Flamengo ganha Fla-Flu e tem vantagem do empate na final do Campeonato Carioca

0
891

O Flamengo saiu em vantagem na decisão do Campeonato Carioca. Na primeira partida da final, o time da Gávea bateu o Fluminense por 1 a 0, na tarde deste domingo (30/04), no Maracanã. Everton, aos 34 minutos do primeiro tempo, aproveitou uma falha do zagueiro tricolor, Renato Chaves, e marcou o gol do triunfo rubro-negro.

Com o resultado, a equipe do técnico Zé Ricardo tem a vantagem do empate na segunda e decisiva partida da final, no próximo domingo, dia 7 de maio, novamente às 16 horas, no Maracanã. Antes disso, às 21h45 de quarta-feira (03/05), o Rubro-Negro recebe a Universidad Católica, do Chile, novamente no Maracanã, pela Copa Libertadores. Já o Fluminense, se prepara ao longo da semana para a segunda partida da decisão do Carioca contra o Flamengo.

Abel bannerMotivação – O resultado não veio, mas o técnico Abel braga confia em seus jogadores para reverter a vantagem do Flamengo, após a derrota por um a zero na primeira partida da final do Campeonato Carioca. Para Abel, o Flu não jogou bem na primeira etapa e viu o time rubro-negro aproveitar a chance, mas acredita que ainda tem muito jogo para os próximos 90 minutos.

“Com certeza, está em aberto. E está porque eles deixaram em aberto. Claro, sempre tem um custo. Eles vão ter que repetir a atuação do primeiro tempo e nós não vamos repetir, com certeza, a do primeiro, pois fomos totalmente dominados”, disse o técnico.

De acordo com Abel, o principal motivo do time não ter jogado bem na primeira etapa aconteceu na saída de bola. Com uma marcação adiantada, o time do técnico Zé Ricardo bloqueou as principais alternativas de jogo do Flu e o Tricolor pouco atacou.

Pelo lado do Flamengo, embora satisfeito com o desempenho ofensivo de seus comandados no primeiro tempo – e com o defensivo no segundo -, o treinador Zé Ricardo analisou a vitória, em entrevista coletiva, no Maracanã. O técnico comentou o desgaste de alguns atletas, falou da importância do retorno de Éverton e garantiu que o time não irá jogar com o regulamento debaixo do braço: “Não é do DNA do Flamengo”.

“O jogo não está definido. É como se fosse uma peça de teatro com dois atos. vamos para o segundo ato domingo que vem. Vantagem é vantagem, mas não vamos sentar em cima de nennhuma vantagem. Não é do DNA do Flamengo jogar dessa forma. Qualquer resultado pode acontecer e o que podemos fazer é nos preparar. Parabéns à equipe do Fluminense que também fez grande partida”, disse.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação