Fluminense conquista Taça Rio e provoca mais dois Fla-Flu para definir o campeão carioca

0
434

Em um jogo muito disputado durante os 90 minutos, Fluminense e Flamengo empataram em 1 a 1 – gols de Gilberto e Pedro (Fla) – e disputaram o título da Taça Rio nos pênaltis. Na decisão, destaque para o goleiro tricolor, Muriel, que fez duas defesas e garantiu a taça para as Laranjeiras e a vaga na decisão do Campeonato Carioca, a ser iniciada no próximo domingo, contra o mesmo rival.

No primeiro tempo, o Fluminense iniciou a partida tentando dominar as ações. Antes do primeiro minuto, Nene aproveitou uma sobra e bateu forte, mas a bola subiu demais. O camisa 77 teve outra chance, em cobrança de falta, aos 18, mas a bola ficou na barreira. Aos 24, mais um boa chance. Após falta cobrada na área por Nene, a bola pipocou na área e sobrou para Gilberto. O lateral tentou de cabeça e o goleiro adversário fez a defesa.

O Flu chegou com muito perigo mais uma vez aos 35, com Yago aproveitando cruzamento da direita e batendo rente a trave. Na sequência, dois minutos depois, finalmente a bola entrou. Após falta cobrada na área, Gilberto não desperdiçou e, de cabeça, abriu o placar para o Time de Guerreiros. 

Segundo tempo – O Fluminense retornou para a segunda etapa com uma mudança: Fernando Pacheco entrou no lugar de Evanílson. Antes dos 15, Marcos Paulo e Yago Felipe tiveram boas oportunidades travadas pela defesa adversária. O técnico Odair Hellmann fez outras alterações, com a entrada de Yuri e Caio Paulista nas vagas de Yago Felipe e Marcos Paulo. Aos 31 minutos, em trama pela esquerda, Pedro marcou o gol de empate do Flamengo. 

A última substituição no Tricolor foi a entrada de Michel Araújo na vaga de Gilberto, aos 43. O Fluminense lutou até o fim e quase marcou o gol do título aos 49, mas a defesa do adversário cortou um escanteio cobrado por Nene que tinha endereço certo. Como o empate persistiu, a decisão do título da Taça Rio foi para os pênaltis.

Pênaltis – Nenê abriu as cobranças para o Fluminense e balançou as redes. Gabriel Barbosa bateu para o Flamengo e empatou. Dodi foi o segundo para o Flu e parou em Diego Alves. Muriel não deixou barato e pegou a cobrança seguinte, de Willian Arão. O terceiro a cobrar pelo Tricolor foi Hudson, que também marcou. Léo Pereira foi na bola para o Flamengo e mandou para fora. O uruguaio Michel Araújo fez a quarta cobrança tricolor e parou em defesa do goleiro. Pedro foi para a bola pelo adversário e empatou. Fernando Pacheco foi para a quinta cobrança e marcou. Rafinha fechou a série de cobranças para o rival e parou em Muriel, que garantiu o título para o Fluminense!

Ficha técnica
Fluminense (1) – Muriel; Gilberto (Michel Araújo), Matheus Ferraz, Nino e Egídio; Hudson, Yago Felipe (Yuri) e Dodi; Nene, Marcos Paulo (Caio Paulista) e Evanílson (Fernando Pacheco).
Técnico: Odair Hellmann

Flamengo (1) – Diego Alves; Rafinha, Léo Pereira, Rodrigo Caio e Filipe Luís; Willian Arão, Gérson (DIego), Arrascaeta (Pedro) e Éverton Ribeiro (Michael); Bruno Henrique (Vitinho) e Gabriel Barbosa.
Técnico: Jorge Jesus

Gols: Gilberto (37′ 1T) – FLU; Pedro (31′ 2T) – FLA
Cartões amarelos: Gilberto, Nene (FLU); Léo Pereira, Filipe Luís, Rafinha (FLA)
Arbitragem: Bruno Arleu de Araújo, auxiliado por Rodrigo Figueiredo Corrêa e Thiago Henrique Neto Farinha

(Texto Comunicação/FFC e fotos: Lucas Merçon/FFC)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação