Fluminense derrota Goiás e assume sexta posição e Atlético Mineiro tem invencibilidade quebrada

0
185
Yago, Fred, Nenê e Digão marcaram para o Fluminense, enquanto Rafael Moura marcou para o time da casa (Heber Gomes/AGIF)

Tricolor carioca encosta no G4 e Atlético Mineiro não consegue aumentar a distância para o segundo colocado

O Fluminense foi a Goiância (GO) para enfrentar o Goiás, pela 14ª rodada do Brasileirão Assaí, e voltou ao Rio de Janeiro com um triunfo por 4 a 2 na bagagem, resultado que o coloca no G-6, com 21 pontos, enquanto o Esmeraldino continua na lanterna da competição, com nove pontes. Em Fortaleza (CE), o Fortaleza interrompeu a série invicta do líder Atlético Mineiro.

O primeiro gol saiu aos 17 minutos, após Breno e Edilson pararem em Muriel, mas Rafael Moura não perdoou. Vinícius Lopes apareceu na esquerda e tocou para o meio da área, o atacante bateu no cantinho e fez 1 a 0. Aos 41, Fernando Pacheco colocou a bola na área, Hudson ajeitou e Yago bateu colocado no ângulo da meta adversária: 1 a 1. 

No segundo tempo, aos seis minutos, Fred virou o jogo. Caio Paulista cruzou na medida para o camisa 9, que se antecipou à marcação e testou bonito para o fundo das redes. Aos 21, Rafael Moura teve nova chance e, dessa vez de pênalti, deixou tudo igual em Goiânia, mas aos 24, Hudson fez o desarme e tocou para Nenê. O camisa 77 mandou a chapada fatal para recolocar o Flu na frente.

Já na marca dos 30, Digão, após cobrança de falta, anotou mais um para os visitantes: 4 a 2. Com boa vantagem no placar, o Tricolor segurou o resultado até o apito final.

Fortaleza e Atlético-MG ficaram frente a frente pela 14ª rodada do Brasileirão
Fortaleza comemora vitória sobre o líder (Kelly Pereira/AGIF)

Fortaleza – O Fortaleza superou a desvantagem numérica e venceu o líder Atlético Mineiro por 2 a 1, na Arena Castelão, em Fortaleza (CE). David e Bruno Melo marcaram para o time da casa e Sasha descontou para o Galo.

Com o resultado, o Tricolor chegou aos 20 pontos e subiu para nona colocação. Já os mineiros seguem na liderança, com 27 pontos.

O primeiro gol saiu aos 36. Tinga aproveitou um vacilo da defesa adversária e deu passe açucarado para David, o atacante recebeu na esquerda e finalizou no cantinho para fazer 1 a 0, mas dois minutos depois, o tricolor passou a ter um jogador a menos, após expulsão de Felipe.

Em vantagem numérica, o Atlético chegou ao empate com Eduardo Sasha. Mariano apareceu livre pela direita e fez o levantamento, a bola sobrou com o camisa 18, que dominou e bateu bonito para estufar as redes. 

O resultado final foi decretado aos 39, quando Osvaldo fez o cruzamento e Bruno Melo, que saiu do banco de reservas, testou firme para garantir o triunfo heroico do Fortaleza. 

(Com informações da CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação