França e Itália decidem estender quarentena de coronavírus por mais duas semanas

0
341

O primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, disse em discurso que o governo decidiu estender a quarentena do coronavírus por duas semanas, até 15 de abril.

“Após esses dez primeiros dias de confinamento, fica claro que estamos no início dessa onda epidêmica. Submergiu o leste da França e agora chega à região de Paris e ao norte da França”, afirmou Philippe.

O premiê disse que, por esse motivo, o período de confinamento será prorrogado por duas semanas a partir da terça-feira da próxima semana, e acrescentou que as mesmas regras serão aplicadas.

Segundo ele, esse período só será estendido novamente se a situação de saúde exigir.

Itália –  A ministra da Educação da Itália, Lucia Azzolina, disse nesta sexta-feira (27) que as escolas do país vão permanecer fechadas após 03 de abril devido ao surto de coronavírus.

“Nosso objetivo é garantir que os estudantes retornem à escola somente quando tivermos certeza absoluta de que é seguro, a saúde é a prioridade”, disse Azzolina à emissora estatal RAI.

Escolas e universidades estão fechadas em todo o país desde 05 de março, como parte de uma quarentena para conter a propagação do vírus que, até agora, matou mais de 8 mil pessoas na Itália, o maior número de óbitos em qualquer país do mundo.

(Agência Brasil com informações da Reuters)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação