Golden Calhau negocia com os supermercados Carrefour e Extra para ser uma das lojas âncoras

0
11602

Segundo diretor José Braz, há negociação com Carrefour e Extra

AQUILES EMIR

Uma das diferenças do Golden Calhau, aberto nesta sexta-feira (29), para sua concorrência é o fato de não contar com loja de supermercados. Isto mesmo, ao contrário do São Luis Shopping, Pátio Norte, Shopping da Ilha e Rio Anil Shopping, esse tipo de comércio ainda não opera no novo shopping center, mas trata-se de uma situação temporária, já que o Grupo NBR, ao qual pertence, negocia a vinda de uma grande bandeira nacional para ocupar o espaço de uma de suas lojas âncoras.

Segundo o diretor José Braz, entendimentos foram iniciadas com Carrefour e Extra, contudo alguns detalhes não possibilitaram avanços nas negociações, o que ele acredita ser corrigido em breve, ou seja, está confiante de que ambas virão para São Luís e uma delas irá para o Golden. Fora estas duas, uma terceira, da região Sul, manifestou interesse de vir para São Luís, portanto as possibilidades de em breve um supermercado operar neste centro comercial se ampliam.

As negociações com o Extra ainda não avançaram porque a empresa, que pertence ao Grupo GPA, dono também do Pão de Açúcar, exige uma área mínima de 10 mil metros quadrados para poder funcionar, e o espaço destinado a supermercado no shopping center é de 4 mil metros, com a possibilidade de ser reduzida para 2 mil, e assim ser criada mais uma âncora.

Quanto ao Carrefour o detalhe está no fato de a empresa não querer uma loja isolada, ou seja, pretende operar com mais de duas na cidade, pois somente assim compensaria seus custos com logística.

A possibilidade de uma rede maranhense entrar no Golden, embora isto não seja admitido pela diretoria, está praticamente descartada, pois as duas mais importantes – Mateus e Maciel – já contam com lojas na Avenida dos Holandeses, próximo ao shopping center, e a terceira, Carone, não manifesta interesse.

Localizado na Avenida dos Holandeses, o Golden tem uma posição geográfica privilegiada por conta da sua proximidade com bairros habitados por pessoas de alto poder aquisitivo: Renascença, Calhau, Olho d´Água, Ponta d´Areia. Além destes, também é de fácil acesso para quem reside no Turu, Araçagi, Vinhais, Bequimão, São Francisco e até o Centro e a área Itaqui-Bacanga.

(Com imagem de Giro Business e Class Mídia)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação