Governo pede à Associação dos Criadores devolução do Parque Independência

0
737

AQUILES EMIR
Confirmando a informação publicada no blog Conversa Franca – www.aquilesemir.com.br – de que o Governo do Estado está reivindicando da Associação dos Criadores do Maranhão (Ascem), num prazo de trinta dias, a devolução do Parque Independência, onde todos os anos se realiza, no mês de setembro, a Exposição Agropecuária do Maranhão (Expoema).

O parque foi cedido para a entidade, em regime de comodato, no governo de Edison Lobão em 1990 e o contrato foi ratificado em 2009. Quando houve a transferência este patrimônio público estava deteriorado, com os prédios em ruínas, caixa d´água ameaçada de cair e uma série de outras deficiências, que foram corrigidas pela Ascem, já que o Estado, apenas uma vez por ano, cuidava da sua conservação, no período da exposição. O comodato pela ex-governadora Roseana Sarney quando retornou ao Palácio dos Leões após a cassação de Jackson Lago.

Esta não é a primeira ameaça de tirar a Ascem do controle do parque, pois no segundo governo de Roseana Sarney (1999-2002) houve manifestação neste sentido, o que foi contornado no governo de José Reinaldo Tavares, mas voltou a ser cogitada por Jackson Lago (1997-1999).

O Governo do Estado não manifesta ainda o que pretende fazer, porém auxiliares do governador Flávio Dino (PCdoB) dizem que o plano é ocupar a área com apartamentos populares, a mesmo ideia que tinha Jorge Murad, quando auxiliava a esposa no governo.

Caso se confirme a devolução, a Expoema deste ano estará comprometida e dificilmente será realizada por falta de espaço. O evento está completando sessenta anos e é uma das maiores vitrines da agropecuária maranhense, além de estimular negócios com comercialização de animais, implementos agrícolas, veículos, bem como estimular o turismo de negócios e oferecer diversão para a população.
Pelas redes sociais, diversos agropecuaristas e outras pessoas envolvidas com o setor rural manifestam preocupação com o destino do parque e da exposição.

Ainda não se sabe o que o governo pretende fazer com o Parque de Exposição de Bacabal, que o ex-deputado e ex-prefeito Zé Vieira se apropriou, mas a situação é igual. Lá era realizada a Expoaba e por falta de espaço os criadores do município agora recorrem a um terreno onde funciona a Leilonorte para montar a Agrofeira, em dimensões bem menores.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação