Grêmio massacra Chapecoense e assume a vice-liderança da Série A

0
607

Três gols de um reserva, reações, grandes jogadas. Aconteceu de tudo na vitória do Grêmio sobre a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC), por 6 a 3. O triunfo deixou o Grêmio na vice-liderança do Brasileirão, a apenas um ponto do Corinthians. A Chape, por outro lado, caiu quatro posições e agora está em quinto.

O jogo na Arena Condá foi aberto com um golaço de Michel, aos 20 minutos. O meia do Grêmio recebeu de Luan, viu o goleiro Jandrei adiantado e inaugurou o marcador do meio do campo. Apenas seis minutos depois, Michel marcou mais uma vez. Em cobrança de falta, Luan cruzou na cabeça do meia, que ampliou o marcador. A reação da Chape veio oito minutos depois. Luiz Antônio cobrou falta frontal para dentro da área. O cruzamento passou por todo mundo, até chegar a Marcelo Grohe. O goleiro até fez a defesa, mas não conseguiu evitar que a bola ultrapassasse a linha do gol.

No segundo tempo, foi um reserva do Grêmio que mudou a partida. Everton entrou aos 13 minutos, e precisou de poucos toques na bola para se fazer presente na partida. Aos 14, o atacante recebeu de Pedro Rocha e encobriu Jandrei, ampliando a vantagem do Grêmio. Um minuto depois, ele voltou a marcar e deixou o Tricolor na frente por 4 a 1, em bela jogada de Luan.

A Chapecoense ameaçou reagir de novo, e conseguiu marcar de pênalti, com Reinaldo. Mas a noite era mesmo de Everton, que fez seu terceiro gol na noite. Luan deixou o atacante mais uma vez na cara do gol, e ele não perdoou. Só que a partida ainda reservava emoções para a torcida presente. Arthur Caike descontou depois de cruzamento de Rossi, aos 44 do segundo tempo. Mas um minuto depois, Luan finalizou o placar e coroou a grande atuação do Grêmio.

Completando a quinta rodada do Brasileirão, o Bahia recebeu o Cruzeiro e venceu por 1 a 0. Em um jogo bem menos movimentado, o Esquadrão de Aço precisou de apenas um gol, de Edigar Junio, para derrotar o Cruzeiro. Com a vitória, o Bahia alcançou a sexta posição no Campeonato Brasileiro. Os mineiros caíram duas posições, e terminaram a rodada em décimo.

Atlético – Duas partidas da quinta rodada do Campeonato Brasileiro foram disputadas no horário das 19h30. No Estádio Olímpico, em Goiânia (GO), o Atlético-GO bateu a Ponte Preta-SP por 3 a 0 e garantiu a primeira vitória na competição. O primeiro gol do jogo foi marcado aos 37 minutos, por Everaldo. Depois de escanteio cobrado por Andrigo, o atacante testou para o fundo da rede.

Antes do fim da primeira etapa, Everaldo voltou a marcar. Da marca do pênalti, ampliou a vantagem do Dragão no Olímpico. Na volta do intervalo, Everaldo encerrou sua noite com uma assistência. Jorginho cruzou, o atacante desviou de cabeça e Luiz Fernando completou, para dar números finais à partida.

Com a vitória, o Atlético-GO chegou à 18ª posição no Brasileirão. Já a Ponte perdeu a chance de se manter entre os seis primeiros do campeonato, e caiu para a oitava colocação. Na rodada do fim de semana, a Ponte mede forças com a Chapecoense, em Campinas. Por sua vez, o Atlético-GO vai até Belo Horizonte enfrentar o Cruzeiro.

Um dos times que ultrapassaram a Ponte foi o São Paulo, que derrotou o Vitória por 2 a 0 no Morumbi, na capital paulista. Depois de uma primeira etapa sem gols, o São Paulo inaugurou o marcador aos 18 minutos do segundo tempo. O argentino Lucas Pratto aproveitou o erro de Willian Farias para deixar Thomaz na cara do gol. O meia não desperdiçou, e botou o São Paulo na frente.

No apagar das luzes, o Tricolor Paulista ainda conseguiu aumentar a vantagem sobre o Leão. Thomaz retribuiu a ajuda de Lucas Pratto. O argentino recebeu, limpou e fez o seu com categoria. O triunfo levou o São Paulo à sétima posição, com nove pontos. O Vitória, por outro lado, amarga a lanterna do Brasileirão, com apenas um ponto conquistado em cinco jogos. Na próxima rodada, o São Paulo visita o Corinthians, enquanto o Leão recebe o Atlético-MG, no Barradão.

(CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação