Greve dos trabalhadores do setor de transporte coletivo em São Luís entra no sexto dia nesta terça-feira

0
1166

Apesar de reuniões com Ministério Público do Trabalho, movimento continua

A paralisação dos trabalhadores do transporte público em São Luís deve entrar nesta terça-feira (26) no sexto dia, com sindicato e empresários ainda buscando um acordo. O prefeito Eduardo Braide (Podemos) reafirmou a disposição de não conceder reajustes das passagens para compensar, por parte das empresas, as reivindicações de motoristas e cobradores.

Maus uma reunião foi realizada, nesta segunda-feira (25), sem sucesso quanto ao atendimento das reivindicações dos rodoviários, que são um aumento de 13% no salário, jornada de trabalho de seis horas por dia, um ticket alimentação de R$ 800 e a manutenção do plano de saúde.

A primeira reunião foi na Prefeitura e uma segunda no TRT. Osvempresários ofereceram 2% de reajuste nos salários dos trabalhadores, mas estes rejeitaram e insistem na proposta de 13%.
São Luís segue no caos.

Os trabalhadores entraram em greve no dia 21 com a interrupção de 100% da operação, mesmo com determinação da justiça para que 90% da frota continuasse o atendimento.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação