Hospitais públicos vizinhos à Estrada de Ferro Carajás recebem testes rápidos para Covid -19 doados pela Vale

0
274

Sete hospitais públicos vizinhos à Estrada de Ferro Carajás (EFC) receberam na última semana o terceiro lote de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) doados pela Vale, direcionados aos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do atendimento aos casos de Covid-19. Esta remessa incluiu 34 mil máscaras N95, 14,8 mil aventais, cerca de 1,5 milhão de luvas e ainda 43 mil testes rápidos para detecção da Covid-19.

Até agora, a Vale já doou a esses hospitais mais de 3,3 milhões de itens, incluindo 1,1 milhão de máscaras cirúrgicas, 2 milhões de luvas de proteção, 34 mil máscaras N95, 168 mil aventais, e 43 mil testes rápidos de Covid-19.

Os hospitais beneficiados pelas doações são: Hospital Municipal de Açailândia; Hospital Municipal de Imperatriz; Hospital Municipal de Santa Inês; Hospital Municipal de São Pedro da Água Branca; Hospital Municipal Kalil Moyses da Silva, em Vitória do Mearim; Hospital Municipal Pedro Neiva de Santana, em Buriticupu; e o Hospital Municipal João Antônio Santos, em Alto Alegre do Pindaré. A escolha das instituições foi feita com base em critérios técnicos e a presença da Vale na região.

“Este terceiro lote complementa outros dois lotes já doados a estes hospitais e agora inclui testes rápidos para detecçaõ da Covid-19 entre os profissionais da linha de frente. A doação de EPI e testes integra o conjunto de ações realizadas pela Vale no Maranhão desde o início da pandemia, apoiando os governos do estado e prefeituras vizinhas à EFC no enfrentamento à pandemia”, ressaltou Joao Falcão, gerente executivo da Estrada de Ferro Carajás da Vale.

Apoio da Vale – Desde que a pandemia de Covid-19 começou, a Vale vem adotando uma série de medidas de apoio aos governos municipais, estadual e ainda a hospitais públicos vizinhos à EFC. Veja um resumo das ações promovidas pela empresa no Maranhão até agora:

  • Doação de cinco novas viaturas de salvamento e combate a incêndio ao Corpo de Bombeiros do Maranhão;
  • Antecipação do pagamento de fornecedores locais para minimizar o impacto da crise na economia local;
  • Transporte até o Brasil de respiradores adquiridos pelo Governo do Estado e empresários maranhenses na China;
  • Doação de itens de limpeza, equipamentos hospitalares e álcool em gel a 23 municípios vizinhos à ferrovia Carajás;
  • Cessão de dez novas ambulâncias com UTI ao Governo do Estado do Maranhão para auxiliarem no enfrentamento à Covid-19 tanto em São Luís como no interior do estado;
  • Construção de um hospital de campanha com 60 leitos, sendo 7 deles UTI, no município de Açailândia.
Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação