Incêndio atinge prédio de Donald Trump e deixa dois feridos

0
753

A Trump Tower, um dos edifícios mais protegidos da cidade de Nova York e que pertencente ao presidente norte-americano, foi atingida por um pequeno incêndio na cobertura nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (08). O incidente resultou em dois feridos leves, um funcionário do prédio e um bombeiro que respondeu ao alarme.

O arranha-céu, de onde a família do presidente dos Estados Unidos administra seus negócios, não precisou ser esvaziado.

A Trump Tower foi o primeiro empreendimento imobiliário do presidente dos EUA, o magnata Donald Trump, que se tornou símbolo de seu império. O incêndio foi identificado alguns minutos antes das 7h da manhã (10h de Brasília), em uma torre de resfriamento.

As equipes de bombeiros agiram rápido e, em meia hora, a situação estava sob controle. Embora o incidente não tenha sido grave, foi recomendado aos moradores dos edifícios que não abrissem as janelas. O frio intenso que atinge a cidade dos arranha-céus há várias semanas fez com que a fumaça fosse vista com mais nitidez.

O arranha-céu de vidros pretos está localizado na rua 57 e Quinta Avenida, a apenas alguns quarteirões do Central Park. A coluna de fumaça podia ser vista do Rockefeller Center, sete ruas em direção ao sul da ilha. Roger Sakowich, do departamento de bombeiros, informou que os dois feridos recusaram ser tratados pelos serviços de emergência. A equipe que combateu o incêndio deixou o prédio depois de uma hora.

(El País)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação