Juventude vence mais uma e se mantém na liderança da Série B

0
551

Invicto, o Juventude segue líder do Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta terça-feira (13), pela sétima rodada da competição, a equipe gaúcha superou o ABC por 3 a 0 em Caxias do Sul e, com 17 pontos, continua no topo da tabela. O Goiás também fez valer o fator casa e venceu o Boa por 4 a 1 em Goiânia e se aproximou do G-4. Em Florianópolis, o clássico catarinense entre Figueirense e Criciúma terminou empatado em 2 a 2. No outro duelo iniciado às 20h30, o Vila Nova marcou nos acréscimos em Maceió e arrancou o triunfo por 2 a 1 diante do CRB.

O Juventude não deu chances para o ABC no Alfredo Jaconi. Logo aos dois minutos de jogo, Tiago Marques encobriu o goleiro e abriu o placar, 1 a 0. Aos 21, Wallacer pega a sobra e, de primeira, solta a bomba para fazer 2 a 0. Ainda no primeiro tempo saiu o terceiro. Ramon aproveitou cruzamento de Lucas e deixou o dele aos 40 minutos, 3 a 0. Com a ampla vantagem, o Juventude administrou a partida na etapa final e alcançou o quinto triunfo na competição. Na 14ª posição, o ABC segue com nove pontos.

Também jogando em casa, o Goiás se impôs no Serra Dourada. Ainda no primeiro tempo, o Esmeraldino abriu 3 a 0 no placar com Victor Bolt, aos 10, Tiago Luis, aos 26, e Carlos Eduardo, aos 31 minutos. O Boa chegou a descontar aos 38 com o zagueiro Douglas Assis, mas não conseguiu reagir no segundo tempo. No último lance da partida, Pedro Bambu balançou as redes e fechou a vitória do Goiás por 4 a 1.

Outro representante goiano que se deu bem foi o Vila Nova. No Rei Pelé, o Dragão saiu na frente aos 11 minutos com Marcos Paulo. Na volta do intervalo, com apenas dois minutos, o CRB deixou tudo igual com Ytalo. Nos acréscimos, aos 47, Geovane soltou a bomba de fora da área e garantiu o triunfo do Vila Nova por 2 a 1 e manteve a equipe na quarta posição, com 14 pontos.

No Orlando Scarpelli, o Figueirense mostrou poder de reação e foi buscar o empate no clássico catarinense com o Criciúma. O Tigre saiu na frente aos 19 minutos em contra-ataque mortal finalizado por Douglas Moreira. Na segunda etapa, o meia-atacante repetiu a dose e ampliou a vantagem do Criciúma aos 18 minutos, 2 a 0. Aos 35 minutos começou a reação do Figueira. Com dois gols de Luidy em três minutos, os donos da casa arrancaram o empate em 2 a 2.

(CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação