Lançado em São Luís pela Associação Comercial do Maranhão e Sebrae o Programa Empreender

0
175

Em evento remoto, a Associação Comercial do Maranhão (ACM) e o Sebrae Maranhão lançaram, na noite de segunda-feira (17), o Programa Empreender, uma iniciativa das duas entidades que está dentro do Plano Avança Maranhão voltado para fortalecer as micro e pequenas empresas, fomentando o desenvolvimento setorial e o associativismo, ao reunir empresários de uma mesma cidade nos chamados núcleos setoriais. Neles, os empresários discutem seus problemas e buscam soluções conjuntas com apoio de um profissional vinculados às duas instituições.

O Programa Empreender, que funciona no Brasil há mais 20 anos, já atendeu mais de 100 mil empresas em todas as unidades federativas, sendo premiado internacionalmente como um dos melhores projetos para o desenvolvimento de micro e pequenas empresas, pelo ICC (International Chambers of Commerce), em Paris.

Para o presidente da ACM, Cristiano Barroso Fernandes, o Programa Empreender chega ao estado em um momento oportuno, onde a economia precisa de movimento neste novo cenário totalmente desafiador.

“As micro e pequenas empresas vem desempenhando um papel cada vez mais estratégico na economia maranhense. Com essa relevância e, nesse período em que muitas foram atingidas pela pandemia, nossa missão é apoiar esse segmento proporcionando acesso a diferenciais que vão ajudá-las a superar a crise com mais chance de se reposicionarem no mercado. Com o Empreender, vamos junto com o Sebrae, trabalhar para dar condições aos empresários associados para que eles possam seguir gerando trabalho e renda aos maranhenses. Até dezembro de 2020 esperamos atender cerca de 500 empresas”’, declarou.

O diretor-técnico do Sebrae no Maranhão, Mauro Borralho, também avalia positivamente essa iniciativa. Segundo ele, os pequenos negócios são a base da economia do Maranhão, respondendo pela maioria dos empregos gerados e pelo dinamismo da economia local e dotar esses negócios de condições para avançar, crescer e se manterem em atividade de forma sustentável, é missão do Sebrae.

“O nosso objetivo, com o Empreender, é ampliar a nossa atuação, levando esta alternativa para os empreendedores locais, que precisam de todo apoio nesta fase de retomada, ajudando-os a encontrar caminhos e os preparando para atuar com eficiência, focando núcleos setoriais e cadeias produtivas com grande densidade de negócios e relevantes na nossa economia. Temos confiança de que os resultados serão expressivos, nessa parceria que é uma das ações do Avança Maranhão, plano do qual participamos com todo entusiasmo”, explica Borralho.

Lançamento – Durante o lançamento da ação encapada pela ACM e o Sebrae dentro do Plano do Avança Maranhão, houve a palestra virtual Redes, Alianças e Parcerias: uma estratégia para os tempos atuais, com o convidado Douglas Wegner, professor da Escola de Gestão e Negócios da Unisinos (Porto Alegre), doutor em Administração e pós-doutorado pela Universidade de Dortmund (Alemanha). Pesquisador e consultor de redes associativas, cooperação empresarial e inovação colaborativa.  Na oportunidade, empresários do estado de Santa Catarina e do Maranhão, que já participam do Empreender e vão contar as experiências dos seus núcleos empresariais.

A parceria entre a ACM e  o Sebrae foi oficializada durante o evento de lançamento do Avança Maranhão, que reúne, além da ACM, o Sistema Fiema (Sesi, Senai, IEL e Federação), Federação da Agricultura do Estado do Maranhão (Faema) e Sistema Federação do Comércio, Bens e Serviços do Maranhão (Fecomércio/Sesc/Senac) e o Sebrae no Maranhão em um total de 74 ações em prol da retomada e recuperação da economia do estado, com foco no apoio aos pequenos negócios, indústrias e empreendimentos rurais do estado. O evento foi realizado de forma híbrida, com formato presencial na sede da Fiema, e transmissão pelos canais oficiais das entidades participantes nas redes sociais.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação