Libertadores: Palmeiras vence Júnior Barranquilla e Santos é derrotado pelo Garcilaso

0
657

O Palmeiras foi o primeiro brasileiro a vencer na Fase de Grupos da Copa Libertadores da América ao golear o Junior por 3 a 0, em partida realizada na noite desta quinta-feira, em Barranquilla, pela primeira rodada. Com o resultado, o clube paulista lidera o Grupo 8 com três pontos, contra um de Alianza Lima (Peru) e Boca Juniors (Argentina), que ficaram no empate sem gols também nesta quinta-feira.

O Palmeiras ganhou um presente do Junior logo aos nove minutos do primeiro tempo, quando Germán Gutiérrez entrou com a sola no peito de Bruno Henrique e foi expulso. Com um homem a mais, o time comandado por Roger Machado foi superior do início ao fim e não demorou para abrir o placar.

Aos 18 minutos, Felipe Melo abriu o jogo para Dudu. O camisa 7 deixou Bruno Henrique em boa condição para chutar e fazer 1 a 0. Após o gol, o Palmeiras afrouxou a marcação e deu espaço para o Junior, que quase diminuiu com Téo Gutiérrez. Victor Luiz salvou em cima do chute.

No segundo tempo, o Palmeiras voltou melhor e saiu na pressão em cima do Junior. Aos seis minutos, Willian tocou para Lucas Lima, que carimbou a defesa. A bola sobrou para Borja, que pegou de voleio para ampliar o marcador.

O Junior sentiu o baque, cansou por ter um jogador a menos e facilitou a vida do Palmeiras. Aos 26 minutos, Guerra invadiu a área e tocou para Bruno Henrique mandar para o fundo das redes, o segundo dele na partida.

Antes do apito final, Marcos Rocha derrubou Alvez dentro da área e o árbitro marcou pênalti. O próprio atacante foi para a cobrança e isolou.

Na próxima rodada, o Palmeiras enfrenta o Alianza Lima no dia três de abril (terça-feira), às 21h30, no Allianz Parque, em São Paulo. Já o Junior visita, no dia seguinte, às 21h45, o Boca Juniors, na La Bombonera, em Buenos Aires.

Santos – O Santos sofreu com a altitude e estreou com derrota na Copa Libertadores na noite desta quinta-feira. O clube visitou o Real Garcilaso, do Peru, no estádio Garcilaso de La Veja, em Cusco, e perdeu pelo placar de 2 a 0.

O jogo foi válido pelo Grupo 6, que também conta com Nacional (Uruguai) e Estudiantes (Argentina), que se enfrentaram na última quarta e empataram por 0 a 0. Com a derrota, o Santos larga na última posição da chave, com o Real Garcilaso terminando a primeira rodada como líder.

O Real Garcilaso entrou ligado em campo e abriu o placar logo aos 7 minutos de jogo, quando Vidales recebeu cruzamento sozinho na área e só empurrou para o fundo do gol. O Santos tentou uma reação rápida e chegou a levar perigo ao time peruano, mas a organização coletiva do time mandante fez com que a vantagem permanecesse até o intervalo.

O Santos voltou para a etapa final assustando em chute de Vecchio, mas não manteve a frequência ofensiva no decorrer do confronto. Enquanto o time brasileiro chegava pouco ao campo de ataque, os mandantes conseguiram administrar a vantagem. Já na reta final, aos 43 minutos, Ramúa arriscou um chute de fora da área e fez 2 a 0 para o Real Garcilaso, decretando a vitória.

O Santos voltará a campo já no próximo domingo para fazer clássico contra o Corinthians, às 17h, no estádio Pacaembu, pela 10ª rodada do Paulistão Itaipava. A estreia do clube paulista em casa acontecerá na quinta-feira, dia 15 de março, contra o Nacional, também no Pacaembu.

(FPF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação