Magazine Luíza lança campanha para troca de aparelhos de celulares

0
4002

O Magazine Luiza lançou uma das maiores ações de venda de smartphones da história. No Smartphoniza Brasil – nome dado à campanha – o cliente pode utilizar qualquer celular usado para deduzir o valor da compra de um celular novo em uma das 959 lojas ou no site da rede.

A economia no valor pode chegar a mais de R$ 2.500 dependendo do valor da avaliação do aparelho usado. A ação é semelhante à Sai Zica, promoção do Magalu realizada durante a Copa do Mundo de 2018 para a troca de aparelhos de TV, que resultou em vendas de mais de um milhão de telas.

A dedução total no valor da compra é determinada pelas características do celular usado entregue pelo cliente – avaliadas por um sistema do Magalu operado pelos vendedores — e pelo modelo de smartphone escolhido para a compra.

Se o modelo escolhido for um Samsung S10 – smartphone top de linha da fabricante coreana – a economia garantida é de, no mínimo, R$ 1,3 mil. Assim, o S10, que normalmente custa R$ 4,3 mil, passará a custar R$ 2,9 mil, mais a dedução do valor do celular usado levado pelo cliente.

Já o Samsung A9 é vendido com economia garantida de R$ 700, chegando a R$ 1,8, mais o valor do celular usado na troca. E o iPhone 8 Plus garante a economia garantida de R$ 1 mil, saindo por R$ 3,6 mil, mais a dedução do aparelho usado oferecido pelo consumidor.

A campanha tem alcance nacional e a expectativa do Magazine Luiza é que milhares de brasileiros troquem os celulares antigos por smartphones que ampliem as possibilidades de transformação pessoal e profissional.

A campanha Smartphoniza Brasil está diretamente ligada ao propósito do Magalu: incluir os brasileiros no processo de digitalização do país. Atualmente, segundo dados da Anatel, agência que regula o setor de telecomunicações, há 229 milhões de celulares em uso no país.  Mas pelo menos um terço desse total não é compatível, por exemplo, com a tecnologia 4G de conexão.

O smartphone se transformou no grande meio de digitalização em todo o mundo. Um smartphone potente é uma ferramenta de empoderamento”, diz Frederico Trajano, CEO do Magalu. “É um aparelho que vem revolucionando a forma como as pessoas consomem bens e serviços, se relacionam, buscam informação e conhecimento e até exercem a cidadania. Seu impacto no dia a dia é gigantesco.

Os aparelhos usados e trocados por smartphones novos passarão por um processo de descarte responsável – assim como aconteceu com as TVs usadas trocadas por novas durante a promoção Sai Zica, realizada em 2018. Os celulares serão coletados por uma empresa parceira do Magalu, a Trocafone, de São Paulo. Os modelos mais recentes e em boas condições serão revendidos no site da Trocafone (www.trocafone.com). Os demais serão desmontados para venda das peças ou encaminhados para descarte ecológico pela empresa parceira.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação