Maranhão registra 13 óbitos de infectados por coronavirus nos dois primeiros dias do ano

0
159

Foram 13 novos casos, sexta-feira e sábado, segundo balanço divulgado pelo Ministério da Saúde

As mortes por causa da pandemia do novo coronavírus no Maranhão aumentaram em 13 novos casos nos dois primeiros dias de 2021. O estado tinha fechado 2020 com 4.500 óbitos, porém neste sábado (02), o boletim do Ministério da Saúde indicava 13 novos casos, na sexta-feira (1°) e no sábado (02), número que pode ser bem maior, já que nos feriados e fins de semana há subnotificações.

De acordo com o balanço da Secretaria Estadual da Saúde, o Maranhão tem 200 mil 976 casos confirmados, sendo que destes 190 mil 898 se furaram. No estado há ainda mais de 5,5 mil com o vírus ativo. Confira os números:

No Brasil, as mortes chegaram a 195.725. Nas últimas 24 horas, foram registrados 314 mortes. Sexta-feira (1º), o sistema do Ministério da Saúde (MS) marcava 195.411 vidas perdidas. Ainda há 2.402 óbitos em investigação.

A soma de pessoas infectadas desde o inicio da pandemia atingiu 7.716.405 . Entre ontem e hoje (2), foram registrados 15.827 novos diagnósticos positivos. Até essa sexta-feira, o painel da covid-19 do Ministério da Saúde trazia 7.700.578 casos acumulados.

As informações estão na atualização diária sobre a pandemia do ministério, divulgada na noite deste sábado. O balanço reúne as informações levantadas pelas secretarias estaduais de Saúde de todo o país.

Conforme o painel do MS, há ainda 751.260 casos ativos em acompanhamento. O número de pessoas que já se recuperaram da covid-19 chegou a 6.769.420.

Em geral, os registros de casos e mortes são menores aos domingos e segundas-feiras em razão da dificuldade de alimentação dos dados pelas secretarias de Saúde aos fins de semana. Já às terças-feiras, os totais tendem a ser maiores pelo acúmulo das informações de fim de semana que são enviadas ao ministério.

Situação epidemiológica da covid-19 no Brasil 02/01/2021

Estados – No topo da lista de mortes por covid-19 estão São Paulo (46.808), Rio de Janeiro (25.608), Minas Gerais (12.023), Ceará (10.015) e Pernambuco (9.674). Já entre os últimos no ranking estão Roraima (787), Acre (798), Amapá (927), Tocantins (1.239) e Rondônia (1.825).

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação