Prefeitura de São Luís inicia obra de drenagem profunda na região do Santa Bárbara

0
826
Edivaldo, ao lado da primeira-dama Camila Holanda, e do vice-prefeito, Julio Pinheiro, acompanha execução de obras na periferia de São Luís

A Prefeitura de São Luís deu início, sexta-feira (20), às obras de urbanização na região do Santa Bárbara, atendendo a uma demanda histórica da área e que vai impactar de forma positiva na vida de mais de 50 mil pessoas que residem na área e de outras milhares que trafegam pelas vias que receberão serviço. São 12 km de uma complexa rede de drenagem profunda, 12 km de pavimentação e 20 km de drenagem superficial.

Com a realização desse trabalho, a Prefeitura vai promover, além de melhoria da infraestrutura, integração entre os bairros e o desenvolvimento urbano, social e econômico de toda a região, além de facilitar o acesso a serviços como transporte, ensino público, segurança, saúde, e outros. O início dos serviços foi acompanhada pelo prefeito Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

“É mais uma obra histórica que estamos realizando em São Luís, um clamor que a população desta região há muitas décadas fazia. Com a rede de drenagem que estamos implantando, além de resolver, de forma definitiva, o problema de alagamento no Santa Bárbara, vamos também implantar asfaltamento nas vias, promovendo a urbanização, melhorando a mobilidade e a qualidade de vida das pessoas, como temos feito em muitos outros pontos da cidade com o programa São Luís em Obras”, disse o prefeito.

O trabalho vai contemplar vias importantes do bairro como as avenidas São Jerônimo, da Saudade, Tibiri, José Sarney e Santiago; e as ruas Militar, Brasília, Projetada, do Horto e São Raimundo, impactando diretamente a vida de mais de 50 mil pessoas que vivem na área.

Além de resolver os problemas de alagamento na região com a implantação de uma complexa rede de drenagem, a obra vai integrar o Santa Bárbara à Cidade Operária e criar uma via de ligação entre a Rua São Jerônimo e a Rua da Secretaria, por onde foram iniciados os trabalhos. “É uma obra estrutural que, por determinação do prefeito Edivaldo, será executada com a maior celeridade possível. São serviços que vão melhorar significativamente a qualidade de vida dos moradores da região que engloba diversos bairros”, enfatizou o secretário municipal de Obras e Serviços Públicos, Antonio Araújo.

 

Os serviços começaram também na Rua Militar, onde moradores já imaginam a nova realidade. “Moro desde que nasci aqui e esperamos demais por esta obra. Aqui é difícil até prestar um socorro, pois o Samu tem dificuldades de chegar, principalmente durante o período chuvoso. Transporte também é complicado, pois as ruas chegam a ser intrafegáveis. Vai melhorar tudo no nosso dia a dia. É uma obra que com certeza vai mudar para melhor a nossa realidade”, destacou Viviane dos Santos, de 26 anos, que desde que nasceu mora próximo à Rua Militar.

Por ausência de rede de drenagem, são recorrentes os transtornos para os moradores ou para quem trafega na região do Santa Bárbara, tendo que enfrentar muita lama durante a estação chuvosa e a poeira na época da estiagem. A obra vai mudar a rotina dos moradores, melhorando a mobilidade na região. “A gente fica muito preocupado quando chega o período da chuva. Fica difícil de levar os meninos na escola porque a água chega a dar no joelho. Aqui tem muito morador e na Rua da Secretaria, por exemplo, fica difícil demais de andar”, disse Yara Sodré, de 25 anos, moradora e representante da Vila Apaco.

 

 

Mais investimentos – Com o programa São Luís em Obras, a gestão do prefeito Edivaldo retorna à área que já recebeu outros investimentos do poder público municipal, a exemplo do conjunto de obras de drenagem profunda executadas pela Prefeitura de São Luís na região, contemplando mais de 12 bairros próximos, entre eles o próprio Santa Bárbara, e mais Apaco, Vila Janaína, Vila Vitória, São Raimundo, Residencial 12 de Outubro, Residencial Cruzeiro e outros.

Também na área pode-se citar os serviços de pavimentação na Cidade Operária, Vila Magril, Vila Vitória, Pontal da Ilha, São Raimundo, Vila Cascavel, Vila Cotia, Residencial 12 de Outubro e Jardim São Raimundo; além da construção de imóveis do Residencial São Jerônimo, no Santa Bárbara, por meio do programa federal Minha Casa, Minha Vida.

Compartilhe

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui