Ministro Wagner Rosário jura dizer a verdade e não tem habeas corpus do STF. Assista ao vivo

0
284

Senadores rebatem ameaça de filho de Bolsonaro à CPI

Wagner Rosário jurou dizer a verdade durante o depoimento. O ministro da Controladoria-Geral da União (CGU) não recorreu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para garantir o direito de ficar em silêncio. Caso raro, praticamente todos que estiveram aqui recorreram ao STF. Eu parto do princípio que aquilo que lhe for perguntado será respondido, até porque ele não procurou a Justiça”, destacou o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM).

Logo na abertura da reunião, os senadores Rogério Carvalho (PT-SE) e Randolfe Rodrigues (Rede-AP) criticaram a postura do filho mais novo do presidente Bolsonaro, Jair Renan, que, segundo eles, ameaçou a CPI. Eles exibiram um vídeo em que o jovem de 22 anos está numa loja de armas, aponta para as pistolas e diz: “Alô, CPI!”. Os parlamentares lembraram que ele é maior de idade, não tem foro privilegiado e cometeu crime de ameaça.

Fonte: Agência Senado

Assista ao vivo:

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação