Ministros Juscelino Filho e Mauro Vieira debatem participação do Ministério das Comunicações no G20

3

Desde dezembro, Brasil assumiu a presidência rotativa

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, reuniu-se com o ministro das Relações Exteriores, Mauro Vieira, na última quarta-feira (17). Durante o encontro, as autoridades conversaram sobre os principais temas de atuação do Ministério das Comunicações (MCom) no G20.

Em dezembro de 2023, o Brasil assumiu a presidência do grupo composto pelas 20 maiores economias do mundo e sediará a cúpula em novembro de 2024, com mais de 100 reuniões planejadas em diversas cidades.

Juscelino Filho enfatizou o compromisso do Brasil com a promoção da inclusão digital universal e a criação de ambientes conectados, seguros e educativos.

“Nosso maior objetivo é garantir que todos os brasileiros sejam incluídos nesse processo de transformação, considerando que um terço da população global ainda carece de acesso à internet. O presidente Lula nos deu a missão de levar conectividade significativa a todos os brasileiros e não estamos medindo esforços para alcançar esse objetivo” ressaltou o ministro.

No G20, o MCom lidera o Grupo de Trabalho de Economia Digital. Estabelecido em 2021, o grupo busca impulsionar a transformação digital para melhorar a participação pública e promover o desenvolvimento socioeconômico inclusivo. O Brasil, como presidente de turno, propõe temas como conectividade, governo digital, integridade da informação e inteligência artificial para a agenda de discussões em 2024.

O desafio global da conectividade é destacado visando incluir áreas rurais e fornecer habilidades digitais. O governo digital é abordado como essencial para melhorar o relacionamento governo-cidadão. A integridade da informação destaca as transformações causadas pelas plataformas digitais. Já a questão da inteligência artificial é debatida com foco em modelos generativos e questões éticas, apontando para a necessidade de considerar a diversidade linguística, cultural e racial.

Ao todo, 13 cidades-sede irão receber as reuniões dos grupos de trabalho do G20. São elas: Brasília (DF), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Fortaleza (CE), Foz de Iguaçu (PR), Maceió (AL), Manaus (AM), Porto Alegre (RS), Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Salvador (BA), São Luís (MA) e Teresina (PI). O Ministério das Comunicações será responsável pelo tema Economia Digital e participará das reuniões em Brasília, Maceió e São Luís.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui