Morre aos 53 anos o ex-ator Guilherme de Pádua, autor do assassinato da ex-atriz Daniella Perez

110

Ele teria sido vítima de infarto fulminante em Belo Horizonte

Aos 53 anos, morreu na noite deste domingo (06), em Belo Horizonte (MG), o ex-ator Guilherme de Pádua, que cumpriu pena pelo assassinato da atriz Daniella Perez. Segundo informação do pastor Márcio Valadão, da Igreja Batista da Lagoinha (MG), em vídeo publicado no Instagram, o ex-ator sofreu um infarto pouco antes das 22h.

“É um moço que a sociedade não compreende, porque ele praticou aquele crime tão terrível da Daniela Perez, foi preso, cumpriu a pena e se converteu. Era uma lagarta e virou borboleta. Dentro de casa, caiu e morreu. Morreu agorinha. Acabou de morrer”, frisou Márcio Valadão.

Quando interpretava o motorista Bira na novela De Corpo e Alma, da TV Globo, em 1992, Guilherme de Pádua se envolveu num romance com a atriz Daniella Perez, com quem fazia par romântico na teledramaturgia. Yasmin era o nome da personagem vivida pela atriz,  que é filha da autora Glória Perez, diretora da novela.

Morte de Guilherme de Pádua e assassinato de Daniella Pérez; relembre -  Rádio Itatiaia | A Rádio de Minas

Pádua assassinou a colega de elenco com a ajuda da ex-mulher, Paula Nogueira Thomaz. São duas versões para o crime: insatisfação do ator com a diminuição de seu papel na novela e o ciúme de sua esposa pelas cenas de Daniella com ele.

A morte da atriz voltou à tona com o lançamento da série intitulada “Pacto Brutal: O assassinato de Daniella Perez”, que estreou em 21 de julho na HBOMax.

Em cinco episódios, o documentário detalha o crime que chocou o país com depoimentos, autos de processos judiciais, relatos de testemunhas e outros elementos.

Para isso, mais de 60 pessoas foram entrevistadas para a série, incluindo diversos jovens atores dos anos 1990, como Claudia Raia, Fábio Assunção, Maurício Mattar, Cristiana Oliveira, Alexandre Frota e Eri Johnson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui