Mortes na primeira semana de flexibilização do comércio no Maranhão correspondem a 16,5% do total de óbitos desde o início da pandemia

0
209

AQUILES EMIR

A primeira semana de flexibilização das atividades econômicas foi encerrada neste sábado (06) com 194 ocorrências de novos óbitos por coronavírus no Maranhão, 23 casos a mais do que a quantidade registrada na semana anterior, de 24 a 30 de maio, de acordo com números da Secretaria Estadual da Saúde (SES). Quanto aos registros de testes positivos, foram 12.296, enquanto nos sete dias anteriores tinham sido 11.853, o que corresponde a uma diferença de 443 entre os dois períodos.

Para que se tenha ideia do que isto representa, os novos casos de mortes, em apenas uma semana, correspondem a 16,5% das 1.170 ocorrências desde o primeiro caso no estado, ocorrido em 29 de março.

Já as 46 novas ocorrências na Ilha correspondem a 7,01% do total de 656 óbitos contabilizados até este sábado. Na semana anterior à abertura das atividades econômicas, foram registrados nos quatro municípios, 106 novas mortes.

No que diz respeito aos falecimentos na Ilha, a semana que se encerrou neste sábado começou com 526 ocorrências na capital e terminou com 557, ou seja, 31 a mais; em São José de Ribamar, começou com 44 e terminou com 49 (05 a mais). Paço do Lumiar registrou 10 a mais, pois começou com 33 e terminou com 43, enquanto Raposa se manteve com os 07 casos.

Testes positivos – A semana anterior à flexibilização, começou com 22.786 casos confirmados para covid-19, em todo o Maranhão, e terminou com 34.639, isto é, 9.953 novos casos, e a semana iniciada domingo passado (dia 31 de maio) começou com 35.297 testagens positivas para coronavírus e fechou neste sábado com 47.593 casos, o que corresponde a 12.296 novos registros. A diferença entre as duas semanas é de 443 casos a mais.

Sobre as novas testagens positivas, São Luís tinha 9.255 casos em 31 de maio e chegou a 06 de junho com 10.494, o que equivale a um aumento de 1.239 novos casos. A semana anterior tinha dia 24 de maio 7.917 e fechou dia 30 com 9.141, ou seja, 1.224 casos no período, apenas 15 a mais de diferença.

Como explica o secretário de Saúde, Carlos Lula, os registros nem sempre correspondem a casos ocorridos no períodos, mas confirmados, pois algumas mortes podem ter ocorrido dias atrás e somente agora foram testadas positivamente.

Confira o balanço divulgado neste sábado (06) pela Secretaria de Saúde:

Imagem

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação