Casa Branca fala em proteger ‘futuro da ordem mundial liberal’ em resposta a críticas sobre preços da gasolina

0
200

Críticas sobre os preços da gasolina têm atingido níveis recorde nos EUA

Brian Deese, principal assessor econômico de Joe Biden, presidente dos EUA, afirmou que os americanos terão que suportar os altos preços da gasolina por um período prolongado, possivelmente anos.

“O que vocês ouviram hoje [1º] do presidente foi uma clara articulação dos interesses em jogo. Trata-se do futuro da ordem mundial liberal, e temos que permanecer firmes”, disse Deese em entrevista à CNN, em referência à declaração de Biden de que os cidadãos americanos continuarão pagando mais pelo gás “enquanto for preciso” para pôr fim ao conflito na Ucrânia.

Deese declarou ser necessário entender que o processo é uma “transição” para “progressos econômicos históricos”, o que supostamente acontecerá sob a administração Biden.

“E também lembrar ao povo americano que, mesmo enquanto atravessamos este período desafiador, mesmo enquanto passamos por esta transição, também fizemos progressos econômicos históricos, e isso não é para sugerir que as pessoas não devem sentir a ansiedade que sentem”, defendeu ele.

O assessor econômico da Casa Branca elogiou os esforços do presidente dos EUA em reduzir os preços dos combustíveis e os planos para colocar um teto nos preços do petróleo russo, apesar do embargo americano.

O alto funcionário mencionou ainda que os preços já caíram 20 cêntimos desde o auge, apesar de se apressar a admitir que ainda estavam inaceitavelmente altos.

Os preços da gasolina e a alta da inflação, que Biden diz ser culpa do “imposto de Putin”, continuam sendo as críticas principais à presidência de Joe Biden e as razões por trás da queda de sua taxa de aprovação, apesar da subida dos preços ter começado meses antes da operação militar especial russa na Ucrânia.
Quase 70% dos americanos estão descontentes com a forma como Biden lida com a economia, enquanto 85% acreditam que o país está indo na direção errada.
(Agência Sputnik,)

 

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação