Presidente do Sindcombustíveis, Domingos Júnior, participa de reunião sobre ICMS com Bolsonaro e Lira

0
154

Empresários do setor acreditam em redução de preço

O presidente do Sindicato dos Revendedores de Combustíveis do Maranhão (Sindcombustíveis), Domingos Júnior, participou semana passada de uma reunião agendada pela Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis) com os presidentes da República, Jair Bolsonaro, e da Câmara, Arthur Lira. Na Pauta: a política de tributação dos combustíveis.

No encontro, o presidente da Fecombustíveis, James Thorp Neto, ao lado dos 27 representantes de sindicatos filiados à entidade, manifestou a Bolsonaro e Lira apoio ao projeto de lei complementar 18, que estabelece um teto de 17% para o ICMS incidente sobre combustíveis, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo.

Para a Fecombustíveis, a redução da carga tributária “será benéfica ao país e a toda a sociedade, por minimizar os efeitos inflacionários e impulsionar a economia”.

“A Fecombustíveis entende que a redução da carga tributária será benéfica ao país e a toda a sociedade, por minimizar os efeitos inflacionários e impulsionar a economia”, disse o presidente da entidade.

Domingos Júnior está confiante de que no Maranhão o impacto será forte, já que gasolina é considerada produto supérfluo, portanto o imposto é de 28% mais 2,5% para o Fundo Maranhense de Combate à Pobreza (Fumacop), ou seja, a 17% a tributação cairá quase pela metade.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui