Para Dorival Júnior, São Paulo foi punido com a derrota pelo gol “de repente”

0
410

Com um time alternativo e muitos jovens revelados no CFA de Cotia, o São Paulo perdeu por 2 a 0 para o São Bento nesta quarta-feira (17), no Walter Ribeiro, na estreia do Paulistão Itaipava. Diante do resultado negativo, o técnico tricolor Dorival Júnior analisou o desempenho de seus comandados na partida.

“A equipe não fez um jogo ruim, foi um jogo muito brigado no primeiro tempo. No segundo tempo, tínhamos o jogo mais equilibrado, fazia presente no meio de campo e na frente. E de repente tomamos um gol numa jogada isolada. A equipe teve um bom posicionamento. O resultado não aconteceu, temos de ter consciência”, disse, projetando o próximo compromisso contra o Novorizontino no sábado (20), às 19h, no Morumbi.

“No final de semana jogará a equipe que ficou trabalhando no CT e alguns que estavam no banco hoje. Vamos aguardar a movimentação da semana. Os garotos foram bem no geral. É muito cedo ainda para avaliar, porque foram poucos períodos de treinamento até aqui. Fico feliz de ter igualado fisicamente e vi coisas boas”, concluiu.

Corinthians – A abertura do Paulistão Itaipava 2018 colocou frente a frente os finalistas da edição passada. Em pleno Pacaembu, a Ponte Preta surpreendeu o Corinthians e estreou com o pé direito ao vencer por 1 a 0. Felipe Saraiva marcou o único gol do jogo, enquanto Jadson desperdiçou um pênalti para o time da capital.

Contando com o apoio da torcida, o Corinthians tomou a iniciativa do jogo e apostava nas jogadas pelas laterais para furar a forte marcação imposta pela Ponte Preta. Aos 17 minutos, Jadson bateu de primeira e Ivan espalmou para dentro da área. O atacante Kazim chegou desequilibrado e na frente do gol mandou pela linha de fundo.

Enquanto a Ponte Preta apostava nos lances de bola parada, o Corinthians ia criando oportunidades. A melhor delas veio aos 33. Fagner cruzou rasteiro e Jadson, na marca do pênalti, chutou forte no travessão. O rebote sobrou para Gabriel, que bateu de primeira e viu a boa passar raspando a trave de Ivan. Nos minutos finais, Fellipe Cardoso cometeu falta em Cássio, recebeu o segundo amarelo e foi expulso.

Com um homem a mais, o Corinthians se lançou ao ataque e a Ponte Preta se fechou para tentar segurar o empate, que quase escapou em finalização rasteira de Clayson. Ivan foi buscar no cantinho e Luan Peres afastou para escanteio no rebote. Na sequência, Jadson arriscou pela linha de fundo.

Quando o Corinthians esboçava uma pressão, a Ponte Preta foi quem abriu o placar no Pacaembu. Aos 23, Saraiva cortou Guilherme Romão e chutou no ângulo de Cássio. A bola ainda desviou no meio do caminho antes de entrar. Seis minutos depois, Luan Peres cometeu pênalti em Jadson. Ele mesmo bateu, mas Ivan acertou o canto e encaixou a bola.

Os dois times voltam a campo no domingo (21). O Corinthians enfrenta o São Caetano às 19h30 novamente no Pacaembu, enquanto a Ponte Preta recebe o Linense no mesmo horário no Moisés Lucarelli.

(Da FPF)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação