Mais da metade dos brasileiros consideram o governo de Lula pior ou igual ao de Jair Bolsonaro

39

Pesquisa revela ainda que maioria se considera de direita

AQUILES EMIR

Para a maioria dos brasileiros, o atual governo do presidente Lula (iniciado em 2023) está pior ou igual ao de Jair Bolsonaro (2019 a 2022). É o que revela a 161ª Pesquisa CNT de Opinião, encomendada ao instituto MDA e divulgada nesta terça-feira (07) pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).

De acordo com o levantamento, que ouviu 2.002 pessoas em todas as regiões do país, 43,3% dos entrevistados disseram que o atual governo é melhor que o anterior, contudo, 22,7% dizem que está igual e 32,4% acham que está pior, ou seja, ou seja, para 55,1% a percepção é de que nada mudou ou piorou. O percentual dos que não sabem avaliar é de 1,5%. 

Quando indagados sobre como avaliam o atual governo, 37,4% o classificam como bom ou ótimo; para 30,6% está regular; e 30,5% consideram ruim ou péssimo. Os que não souberam ou não quiseram opinar somam 1,5%.

A título de comparação, a avaliação do presidente é pior que a dos governadores e dos prefeitos dos municípios onde foi feita a consulta. Para 41,4% dos entrevistados, estes governantes estaduais e municipais são considerado bons ou ótimos, enquanto 33% os consideram regular, e 20,3% ruim ou péssimo. Não souberam avaliar ou não quiseram responder, 5,3%.

Os entrevistadores do MDA também investigaram como os brasileiros se classificam ideologicamente. A maioria, ou seja, 30,8% se consideram identificados com a direita, enquanto 17,4%, com a esquerda. Outros 8,3% se dizem de centro; 4,6% se acham de centro-direita e 3,5%, de centro-esquerda. Não sabem se auto avaliar, 35,4%.

Com relação às eleições municipais, a maioria, isto é, 31,3%, diz que pretende eleger um candidato a prefeito apoiado pelo presidente Lula. Já 19,3% preferem alguém identificado com o ex-presidente Jair Bolsonaro. Já, 14,7% dizem preferir quem for contra os dois, e 28,4% dizem que este alinhamento é indiferente. Apenas 5,9% não souberam ou não quiseram responder.

  • Informações da pesquisa:
    • Data de realização: 1º a 5 de maio de 2024
    • Entrevistas: 2.002
    • Margem de erro: 2,2 p.p.
    • Nível de confiança: 95%
    • Contratante: CNT
    • Instituto contratado: MDA

Acesse a íntegra do relatório da 161ª Pesquisa CNT de Opinião.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui