Partido dos Trabalhadores deverá ter candidatura própria na eleição de São Luís

0
405
Zé Inácio com a presidente nacional do PT, Gleisi Hofmann: se partido topar, ele disputa Prefeitura de São Luís

AQUILES EMIR

O Partido dos Trabalhadores (PT) está determinado a ter candidatura própria a prefeito de São Luís na eleição deste ano, segundo informação do deputado estadual Zé Inácio, um dos pretendentes a sucessor de Edivaldo Holanda Júnior (PDT). Segundo ele, até março a definição do candidato deverá estar resolvida, já que o deputado federal Zé Carlos também é pretendente.

De acordo com o deputado, a única condição para que o partido desista de ter um nome concorrendo na principal cidade do  estado seria uma determinação da direção nacional no sentido contrário, mas ele acredita que seria bom tanto para o PT quanto para o ex-presidente Lula o partido ter espaço próprio para defender suas ideias e repor verdades para desfazer o que considera inverdades contra o petismo.

Zé Inácio não esconde que pretende ser o candidato, e se considera preparado para a missão, e mais: das pré-candidaturas já anunciadas, apenas os nomes do PT podem se apresentar como 100% comprometidos com a defesa do ex-presidente Lula e do projeto do partido para 2022, já que outras legendas de esquerda, como é o caso do PCdoB, flerta com grupo conservadores, e outras até declaram estar trabalhando contra o ex-presidente, como é o caso do PDT.

Conforme interpretação do deputado petista, o campo da eleição de São Luís estaria hoje delimitado da seguinte forma: um espaço já ocupado pelo deputado federal Eduardo Braide (Podemos) e um grande vazio que pode ser ocupado tanto por uma candidato de consenso das “forças progressistas”, sob a coordenação do governador Flávio Dino, quanto por várias candidaturas que poderão se unir num segundo turno.

Zé Inácio diz que vai aproveitar as comemorações dos 40 anos do PT, de 07 a 09 deste mês, no Rio de Janeiro, para ter uma conversa com a direção nacional do partido a fim de tirar todas as dúvidas sobre as eleições municipais. Caso receba sinal verde, acredita que até março esteja definido quem vai disputar a sucessão de Edivaldo Holanda.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação