Pesquisa do Data Poder360 diz que 49% acham que Bolsonaro deve sair do governo

0
365

Uma pesquisa do Data Poder360 divulgada neste domingo pelo mesmo portal, divulgada neste domingo (26) indica que 49% dos brasileiros acham que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deveria deixar o cargo, percentual que representa uma variação de dois pontos percentuais para mais na comparação com um levantamento realizado entre os dias 06 e 08 de junho. Os que acham que ele deveria continuar à frente do Planalto são 43% ante 42% há 15 dias, enquanto 08% não souberam ou não quiseram responder.

A estabilidade nessa questão vem no mesmo momento em que Bolsonaro foi diagnosticado com a covid-19 e ficou recluso por mais de 15 dias no Palácio da Alvorada, período em que teria criado menos atritos com a mídia, adversários e integrantes dos outros Poderes da República.

A pesquisa foi realizada entre os 20 a 22 de julho de 2020, por meio de ligações para celulares e telefones fixos, e foram ouvidas 2.500 pessoas em 560 municípios nas 27 unidades da Federação. A margem de erro é de dois pontos percentuais.

Aprovação – O mesmo instituto informa que o governo de Jair Bolsonaro tem 43% de aprovação e 46% de desaprovação. A avaliação positiva da administração teve alta de 03 pontos percentuais em relação ao levantamento de quinze dias atrás, quando era de 40%.

Há seis semanas, informa o Poder360, o governo era rejeitado por 50% e aprovado por 41%. A diferença era de 9 pontos e agora a rejeição recuou para 46%, e a aprovação foi a 43%. Ou seja, o gap caiu para três pontos. A pesquisa foi realizada de 20 a 22 de julho. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menor.

Na avaliação do regiao, o Sul registrou alta de o7 pontos percentuais na aprovação nos últimos 15 dias. Passou de 39% para 46%. A desaprovação caiu de 52% para 33% em duas semanas. Os indecisos aumentaram: de 9% para 22%. A região é onde Bolsonaro conquistou mais votos proporcionalmente contra Fernando Haddad (PT) na disputa do 2º turno em 2018 (foram 68,3% contra 31,7%).

O governo federal não é aprovado por 54% no Nordeste e por 51% no Sudeste. Chama a atenção, entretanto, que a taxa geral de rejeição à administração de Bolsonaro tenha recuado de 50% na pesquisa de 08 a 10 de junho para 46% agora.

(Com informações do Poder360)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação