Polícia Federal prende Geddel Vieira Lima, dono dos R$ 51 milhões encontrados em apartamento

0
876

Policiais federais, usando quatro viaturas, cumpriram a decisão

A Justiça Federal acatou pedido do Ministério Público Federal e decretou a prisão preventiva do ex-ministro Geddel Vieira Lima, que teve mais de R$ 51 milhões apreendidos em um aparamento no qual dizia guardar objetos pessoais do seu falecido pai. Seis policiais federais, usando quatro viaturas, cumpriram a decisão judicial no condomínio em que ele reside em Salvador (BA).

Na última terça-feira (05), a Polícia federal deflagrou a Operação Tesouro Perdido, com o objetivo de cumprir mandado de busca e apreensão emitido pela 10ª Vara Federal de Brasília.

Após investigações decorrentes de dados coletados nas últimas fases da Operação Cui Bono, a PF chegou a um endereço em Salvador/BA, que seria, supostamente, utilizado por Geddel Vieira Lima como “bunker” para armazenagem de dinheiro em espécie.

Durante as buscas foi encontrada grande quantia de dinheiro em espécie. Os valores apreendidos serão transportados a um banco onde será contabilizado e depositado em conta judicial.

Total dos valores apreendidos:

  • R$ 42.643.500,00
  • US$ 2.688.000,00
Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação