Em discurso para evangélicos no Paraná, Jair Bolsonaro diz que só Deus o tira da Presidência

0
380

“Temos hoje um presidente, um presidente, um governo, que acredita em Deus”

Ao discursar, na tarde deste sábado (21), em cima de um carro de som, na 27ª edição da Marcha para Jesus de Curitiba, no Paraná, o presidente Jair Bolsonaro falou sobre algumas das suas principais bandeiras políticas, exaltando o evento e a religiosidade cristã, para uma multidão de evangélicos e católicos. Mais uma vez centenas de pessoas foram recepcioná-lo aos gritos de “mito, mito, mito…”

Ele destacou a importância da liberdade, palavra que também é vista em muitas das faixas dos manifestantes que participam do evento, do respeito à Constituição Federal e da valorização da família tradicional.

Em determinado momento, Bolsonaro ainda disparou em referências às eleições presidenciais de 2022: “só Deus me tira daquela cadeira [da presidência da República]”.

Discurso – Saiba o que disse o presidente ao evangélicos na capital paranaense:

É muito bom estar entre aqueles que têm Deus no coração. Agradeço a Ele pela minha vida e pela missão de estar à frente do Executivo federal. Temos hoje um presidente, um presidente, um governo, que acredita em Deus, que respeita os seus militares, que defende a família brasileira e deve lealdade ao seu povo. Peço a Ele mais que sabedoria. Peço força para resistir e coragem para decidir. O nosso exército é o povo brasileiro. Vocês nos dão o norte. Vocês participam hoje de um movimento que é tradição em várias capitais do Brasil, louvando a Ele, o responsável por ter nos colocado aqui. Sabemos o quão importante é a liberdade de religião e a liberdade de expressão em nosso Brasil. Tenham certeza, assim como quando virei praça no exército brasileiro há mais de 40 anos, eu jurei dar a minha vida pela pátria. Hoje, mais do que isso, todos nós daremos a nossa vida pela nossa liberdade. Esse é o bem maior de um país que se diz democrático. Essa é a razão maior de nós lutarmos pelos nossos objetivos. A liberdade é mais importante que a própria vida, a história nos mostra isso. Mas o momento é que o feito até agora e o daqui a pouco, a oração, é individual de cada um. Pertencemos à nação mais cristã do mundo. O Brasil é uma referência para o globo todo. É um país que tem vocação para o futuro, sem se descuidar do presente. Nós juntos, com fé, atingiremos os nossos objetivos. É uma missão que eu tenho. E só Deus me tira daquela cadeira [da Presidência da República]. Somos democratas, respeitamos a nossa Constituição [Federal]. E é um dever meu, como chefe do Executivo, fazer com que todo aquele que esteja fora das quatro linhas da nossa Constituição venham para dentro da mesma. É a maneira que nós temos de viver em paz e em harmonia e sonhar com um futuro promissor para todos. Nada fazemos sem Ele. Ele está no meio de nós. Essa marcha é uma prova de gratidão, de respeito e de louvor ao nosso deus. A nossa fé é inabalável. A todos vocês, agradecemos a presença, porque temos a oportunidade, primeiro de mostrar que a única diferença minha para vocês é esse ponto um pouco mais alto que ocupo no momento. Não há diferença entre nós. O nosso currículo no dia do ponto final será aquilo que fizermos durante essa breve passagem pela Terra. Obrigado a Deus pela oportunidade. Obrigado pela minha vida e pela missão. E obrigado por esse povo cristão maravilhoso que temos em nossa nação.

(Com informações da Jovem Pan)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação