Ponte Preta vence o clássico de Campinas e Vila Nova é o novo líder da Série B

0
416

O encerramento da quarta rodada da Série B do Brasileirão foi com o clássico entre Guarani e Ponte Preta, no Brinco de Ouro, em Campinas (SP). Os times não se enfrentavam há cinco anos, e quem levou a melhor no reencontro foi a Macaca: vitória por 3 a 2, de virada.

O Guarani saiu na frente aos 11 minutos de partida, com gol contra marcado por Danilo Barcelos. Após cobrança de escanteio de Bruno Názaro, Éverton Alemão desviou e a bola bateu no meia, sem chances para o goleiro Ivan. Aos 22, o próprio Danilo Barcelos cobrou escanteio na cabeça de Reginaldo, que deixou tudo igual para a Ponte. A virada saiu três minutos depois. Após contra-ataque, Igor recebeu na esquerda e inverteu para André Luís, que cortou Marcília e marcou o segundo da Macaca.

Melhor em campo no primeiro tempo, a Ponte voltou do intervalo seguindo com as investidas. Até que, aos dez minutos, Danilo Barcelos avançou pela esquerda e cruzou na medida para André Luís marcar o segundo dele e o terceiro da Macaca na partida: 3 a 1. O Guarani ainda descontou aos 27 minutos, com Rondinelly, de pênalti.

Com o resultado, a Ponte Preta subiu cinco posições e terminou a rodada em oitavo lugar, com seis pontos. O Guarani, com três, desceu para o 16º lugar.

Liderança – O Vila Nova derrotou o Goiás por 3 a 1, no Serra Dourada, em Goiânia, e assumiu a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro. No outro jogo da tarde, também válido pela quarta rodada, Avaí e São Bento-SP empataram em 1 a 1, na Ressacada, em Florianópolis.

De olho na liderança, o Vila Nova teve um início arrasador no Serra Dourada. Logo aos oito minutos de clássico, Gastón Filgueira fez boa jogada pela esquerda e cruzou para Reis, que chutou forte para fazer 1 a 0. O Vila seguiu melhor e neutralizando as jogadas do Goiás, que não se entregou e chegou ao empate aos 25 minutos. Maranhão cruzou pela esquerda, e Rafinha acertou um belo voleio: 1 a 1.

Na volta do intervalo, o domínio foi total do Vila Nova. Logo após uma bola no travessão, o Tigre ampliou com Alan Mineiro, que cobrou falta com perfeição. Depois, aos 25, Maguinho puxou contra-ataque veloz e deixou a bola para Alan Mineiro fazer mais um e fechar a vitória do Vila Nova por 3 a 1. Com o resultado, o Tigre assumiu a liderança da Série B, com 12 pontos – o Fortaleza, segundo colocado, tem dez. O Goiás, com um, desceu para o 18º lugar.

Na Ressacada, em Florianópolis (SC), Avaí e São Bento fizeram uma partida equilibrada e empataram em 1 a 1. Os dois gols saíram no primeiro tempo. Aos nove minutos, Alemão colocou o Leão na frente em cobrança de pênalti. Aos 12, Lucas Crispim cruzou a bola na área, e Zé Roberto ficou com a sobra para deixar tudo igual em Florianópolis. Com o resultado, o São Bento segue na sexta posição, agora com seis pontos. Enquanto o Avaí, com cinco, aparece em seguida, em décimo lugar.

(Da CBF com fotos do Vila Nova e do Guarani)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação