Presidente do Tribunal de Justiça, Lourival Serejo, recebe obras do Padre João Mohana

0
172

Obras do médico e sacerdote foram reeditadas pela Molokai

O presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), desembargador Lourival Serejo, recebeu do empresário José Antônio Mohana (Tony Mohana), a coleção de sete obras do Padre João Mohana, nessa segunda-feira (12), no prédio-sede do Tribunal de Justiça. O radialista Robson Júnior também estava presente no ato de entrega da coletânea.

São sete livros, relançados pela Editora Molokai, que já estão disponíveis em diversas livrarias do país. São elas: Céu e carne no casamento; O Mundo e eu; A vida afetiva dos que não se casam; Liberte seu filho da insegurança; Autoanálise para êxito profissional; Ore com os grandes orantes e Amor e responsabilidade.

Sobre o autor – João Miguel Mohana (15 de junho de 1925 — 12 de agosto de 1995) foi um padre, médico, psicólogo e escritor brasileiro.

Seus pais, Miguel e Anice Mohana, eram imigrantes libaneses. João Mohana viveu nas cidades de Coroatá, Bacabal e Viana até o final de sua adolescência, quando decidiu trasladar-se para São Luís a fim de iniciar seus estudos secundários.

No final da década de 1940, foi estudar Medicina na Universidade Federal da Bahia. Em 1952 lançou seu primeiro livro, o romance “O outro caminho”, pelo qual recebeu o prêmio Coelho Neto da Academia Brasileira de Letras.

Apesar de ter sido obrigado a seguir medicina, sua grande vocação era o sacerdócio e, em 1955, após a morte de seu pai, entrou para o Seminário de Viamão, no Rio Grande do Sul, tornando-se padre em 1960. Em 1970, foi eleito membro da Academia Maranhense de Letras, ocupando a cadeira n° 3.

O padre João Mohana escreveu dezenas de livros, romances e peças teatrais, tendo alguns de seus trabalhos publicados em inglês e espanhol.

 

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação