Primeiro mistro de Israel promete salvar iranianos da seca e fome

0
12125

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, prometeu traduzir para farsi e carregar para a web as tecnologias de ponta de uso da água, que ajudarão milhões de iranianos a lidar com a seca e a evitar a fome.

O político trouxe assim à baila os cálculos das próprias autoridades iranianas, de acordo com os quais 96% dos cidadãos do país são hoje de alguma maneira afetados pela seca, enquanto 50 milhões de pessoas podem ser obrigadas a deixar suas casas devido às mudanças climáticas.

“Israel sabe como impedir uma catástrofe ecológica no Irã. Eu quero partilhar este conhecimento com o povo iraniano… Vamos lançar um site em farsi com instruções detalhadas sobre como reciclar água de esgoto, salvar as safras e alimentar suas famílias”, disse Netanyahu, cuja mensagem em inglês foi divulgada nas redes sociais.

“O regime iraniano grita: ‘Morte a Israel’. Em resposta, Israel grita: ‘Que o povo iraniano viva’. O povo iraniano é bom e decente. Ele não deve resistir ao regime feroz sozinho. Estamos juntos”, adiantou.
As autoridades iranianas, por suas ambições nucleares, expansão regional e retórica anti-israelense, foram rotuladas pelos israelenses como ameaça número um para a segurança nacional. Porém, o país ressalta regularmente que essas acusações não têm nada a ver como os cidadãos comuns do Irã.
(Agência Sputnik)
Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação