Sem Rogério Ceni, Cruzeiro perde mais uma; com Rogério Ceni, o Fortaleza volta a vencer

336

O técnico Rogério Ceni foi a atração nos jogos da noite desta segunda-feira (30 de setembro) pelo Campeonato Brasileiro. Em Goiânia, seu ex-time, o Cruzeiro, do qual demitido quarta-feira (25), foi derrotado pelo Goiás e afundou na crise contra o rebaixamento, e na capital cearense, o time que o acolheu de volta, o Fortaleza, voltou a vencer após uma sequência de derrotas e continua vivo para permanecer na Série A em 2020.

O Fortaleza fez as pazes com a vitória no Castelão, em Fortaleza (CE), na reestreia do técnico Rogério Ceni, que havia trocado o time pelo Cruzeiro, soube ser efetivo e bateu o o Botafogo por 1 a 0, pela 22ª rodada da Série A. Com o resultado, fica agora na 13ª posição, com 25 pontos, enquanto o time carioca aparece logo à frente, em 12º, com 27.

De volta ao comando técnico tricolor, Rogério Ceni foi a novidade da noite à beira do gramado. Apesar da ligeira maior posse de bola alvinegra, quem teve as melhores chances na etapa inicial foi o Fortaleza. Foram duas bolas na trave: uma aos 39, com Wellington Paulista, e a outra mais cedo, aos 22, com Osvaldo. O Botafogo, por outro lado, conseguiu ameaçar aos 33, quando Diego Souza bateu para defesa do goleiro.

O Leão voltou do intervalo pressionando mais a equipe carioca. A blitz funcionou. Na casa dos 15, Juninho cobrou falta fechada para a área, Jackson subiu e desviou de cabeça para o fundo do gol. No lance, a arbitragem confirmou gol contra do zagueiro Marcelo Benevenuto.  Foi o sétimo triunfo do Fortaleza no Campeonato Brasileiro.

Goiás e Cruzeiro mediram forças no Serra Dourada pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro
Goiás vence por 1 a 0 na estreia de Abel Braga como técnico do Cruzeiro (Heber Gomes/AGIF)

Na crise – No Serra Dourada, em Goiânia, Alan Ruschel marcou o gol da vitória do Goiás sobre o Cruzeiro, que estreou técnico novo, Abel. Os comandados pelo técnico Ney Franco estão com 100% de aproveitamento no returno.

Com o resultado, o Goiás sobe para a 11ª posição, com 30 pontos. Já o Cruzeiro aparece na zona de rebaixamento, com 19, em 17º colocado.

Apesar do zero no placar, primeiro tempo movimentado no Serra Dourada. Com boa participação de David e Sassá, o Cruzeiro conseguiu pressionar bastante o Esmeraldino, que escapava nas jogadas em velocidade de Michael. No detalhe: a novidade da partida foi a estreia de Abel Braga no comando do time mineiro.

Na volta do intervalo, a Raposa até balançou as redes com Thiago Neves, logo aos quatro. Mas a arbitragem assinalou o impedimento de David na jogada e anulou o gol. E quem acabou pulando na frente foi o Esmeraldino. Aos 16, Michael fez jogada individual e bateu cruzado, Alan Ruschel entrou livre na segunda trave e mandou para o fundo do gol. Foi a vitória de número nove do Goiás no Brasileirão 2019.

Bahia – O Bahia visitou o Avaí na Ressacada, conseguiu se impor e venceu por 2 a 0, com gols de Élber e Nino Paraíba, em duelo válido pela 22ª rodada da Série A. Com o resultado, a equipe do técnico Roger Machado sobe para a sexta colocação, com 37 pontos. Já o time de Alberto Valentim segue na zona de rebaixamento, com 16 pontos na 19ª posição.

(Com informações da CBF)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui