Senac e Associação dos Magistrados Trabalhistas firmam acordo para transmissão de direitos trabalhistas

0
83

O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) da Associação dos Magistrados Trabalhistas do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (Amatra XVI) assinaram Termo de Parceria que prevê a realização de ações da entidade dos servidores do TRT durante as aulas dos cursos do Senac. Assinaram o documento, o presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, José Arteiro da Silva; o diretor regional do Senac, Ahirton Lopes, e o presidente da Associação dos Magistrados Trabalhistas do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região (AMATRA XVI), Carlos Eduardo Evangelista Batista dos Santos.

Também estiveram no ato da assinatura as juízas Ádria Lena Furtado Braga e Joana Dark Sanches, e a diretora de Educação Profissional do Senac, Daniela Nogueira.

De acordo com o presidente da Amatra, o Projeto Trabalho, Justiça e Cidadania possui cunho nacional, desenvolvido pelo órgão nacional, onde em cada estado, a associação local assume e modula o programa.

“Essa parceria com o Senac é apenas uma das nossas frentes de trabalho, pois nosso propósito é sempre discutir, dialogar e garantir que as pessoas se empoderem dos seus direitos, e consigam compreender quais os direitos do trabalhador e sua posição dentro do mercado de trabalho”, destacou. “Com o conhecimento, as pessoas passam a dialogar em uma proximidade do grande ideal de qualquer contrato de trabalho, que é a compreensão dos seus direitos, então a ideia é essa, que a gente possa, junto com o Senac, agregar, adaptar e poder levar aos trabalhadores, a informação de que o Direito do Trabalho é mais do que o direito do simples emprego, é a dignidade do trabalhador, garantido pela Constituição Federal, que não é dada apenas aos empregados de carteira assinada, mas para todos os trabalhadores”, acrescentou 

A partir de setembro, a Amatra vai viabilizar a realização de palestras online nas turmas do Programa de Aprendizagem do Senac, ministradas por magistrados associados voluntários do Projeto Trabalho, Justiça e Cidadania. As datas das palestras e os temas que serão desenvolvidos serão alinhados com a Diretoria de Educação Profissional do Senac e divulgados em breve. 

“Temos a programação de realizar uma palestra a cada mês, e ao longo dessa experiência, vamos formatando novas ações, ainda pela modalidade telepresencial, e tão logo a gente possa aumentar esse foco para o presencial, temos o interesse de atingir o interior do Maranhão”, ressaltou a coordenadora do programa e juíza do trabalho, Ádria Lena Braga.

Um dos objetivos do programa é a integração do judiciário com a sociedade, e a nossa é que o programa seja o mais amplo possível e a gente possa atingir um grande número de pessoas”, concluiu. A partir de janeiro de 2021, a ideia é que sejam elaboradas outras ações, abrangendo outros cursos da programação trimestral do Senac no Maranhão. 

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação