Senadora Eliziane Gama é eleita primeira vice-presidente da Comissão Mista de Orçamento

0
81

Bancadas estaduais terão R$ 241 mi para emendas impositivas em 2021

A Comissão Mista de Orçamento (CMO) elegeu, nesta quinta-feira (25), a senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) como primeira vice-presidente. Também foram eleitos, e o deputado Lucas Vergilio (Solidariedade-GO) como segundo vice, e a representação do Senado ainda indicará nome para a terceira vice.

Ainda nesta quinta, a CMO aprovou requerimentos para audiências públicas com os ministros Paulo Guedes (Economia), Eduardo Pazuello (Saúde) e Milton Ribeiro (Educação). A ideia é que apresentem os gastos realizados em 2020 e as previsões para 2021.

Emendas – As emendas de bancada estadual devem corresponder atualmente, conforme disposto na Constituição, a 1,0% da Receita Corrente Líquida (RCL) apurada no ano anterior àquele da vigência da Lei Orçamentária Anual (LOA).

Na versão enviada pelo Poder Executivo (PLN 28/20), em agosto do ano passado, cada bancada estadual teria direito a emendas no valor total de R$ 247.193.166 ao Orçamento de 2021, conforme a RCL estimada na época.

Estimativa divulgada em dezembro passado pelo Tesouro Nacional indica uma RCL de R$ 651,9 bilhões no ano passado. Foi com base no dado mais novo que Flávia Arruda sugeriu o ajuste nas emendas das bancadas estaduais e do DF.

A instrução normativa aprovada determina que o total de R$ 241.460.468 de cada bancada, de execução obrigatória, será considerado resultado primário  (receitas menos despesas antes do pagamento dos juros da dívida pública).

(Agência Câmara de Notícias)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação