Sérgio Frota não vê sentido instalação de CPI para investigar FMF

0
504

O deputado Sérgio Frota (PSDB), que é presidente do Sampaio Corrêa, declarou, na sessão desta terça-feira (27), na Assembleia Legislativa, que considera desnecessária a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito, sugerida pelo deputado Rigo Teles (PV), para apurar possíveis irregularidades cometidas na Federação Maranhense de Futebol (FMF).

“Ao defender o pedido desta CPI, o deputado Rigo Teles exerce seu direito legítimo como deputado desta Casa. Ele me procurou e me mostrou a solicitação. E eu fiz ver a ele que essa solicitação de uma CPI carece de fundamentação”, afirmou Sérgio Frota.

Sérgio Frota retrucou também a alegada recusa da denúncia do Cordino sobre irregularidade atribuída à presença de um jogador do Sampaio, o que lhe daria uma penalidade de perda de seis pontos:

“Não houve recusa em relação a essa denúncia, feita à Federação que, como é o correto, encaminhou ao TJD, que é o Tribunal de Justiça Desportiva do Maranhão, e está na Procuradoria para se manifestar sobre o assunto. Estou tranquilo, não tem problema nenhum. Existe uma Procuradoria do Tribunal e existe uma Corregedoria, ambas com atribuições plenamente definidas”, afirmou Sérgio Frota, frisando que este episódio não justificaria abertura de uma CPI.

“Eu acho que nós, enquanto deputados, temos coisas muito mais importantes para fazer”, enfatizou, frisando também que não cabe a alegação feita pelo deputado Rigo Teles quanto à paralisação várias vezes do campeonato maranhense de 2017 em decorrência de recursos judiciais dos clubes.

Quanto à exclusão do Santa Quitéria do campeonato maranhense de 2017, Sérgio Frota afirmou que se trata de uma informação errada: “O Santa Quitéria participou do campeonato maranhense e contribuiu, sobremaneira, durante muitos anos, porque o ex-prefeito Manin Leal foi jogador de futebol e gosta do futebol. O Santa Quitéria participou do Campeonato Maranhense e, inclusive, chegou a derrotar o Sampaio no primeiro turno por 2 x 1.”

Ao concluir seu pronunciamento, Sérgio Frota voltou a ser enfático ao afirmar que não vê motivos para a criação da CPI sugerida pelo deputado Rigo Teles e fez questão de declarar este reconhecimento: “O Cordino, para mim, foi a grande sensação do Campeonato Maranhense. O Cordino entrou como mero participante e, para mim, foi a sensação e o melhor time do campeonato. Nem sempre o melhor vai ser o campeão, porque nós temos leis e regulamento, cruza o campeão do primeiro turno e campeão do segundo. Aliás, eu já defendi que o campeão fosse por ponto ganho. E nessa condição, o Cordino seria campeão. Mas sabe por que mudaram? Porque há três anos o Sampaio foi campeão, botando ponto corrido. Eu tenho o regulamento do campeonato, que é discutido em reunião de conselho arbitral com a presença de todos os presidentes de clube, então eu não posso desconhecer isso”, frisou Sérgio Frota.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação