Transações de veículos usados crescem mais de 53% em julho, mas caem quase 31% no acumulado

0
201

As transações de veículos usados, considerando todos os segmentos automotivos somados (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros veículos), apresentaram crescimento de 53,07% em julho, na comparação com o mês anterior, totalizando 1.139.805 unidades, contra 744.642 em junho. Os dados são da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

“O mercado esteve bastante ativo no mês passado, ainda que tenhamos tido dois dias úteis a mais em julho (23 dias), em relação a junho (21 dias). Observamos a regularização de parte das transferências de titularidade, que estavam paradas nos Detrans, o que contribuiu para o aumento de volume de transações este mês”, destacou o Presidente da Fenabrave, Alarico Assumpção Jr.

Apesar da melhora, os números ainda apontam retração de 14,42% na comparação com julho de 2019, quando foram transacionadas 1.331.788 unidades. Entre janeiro e julho de 2020, o mercado de veículos usados apresentou queda de 30,81% sobre o mesmo período de 2019.

Transferências – As transferências de automóveis e comerciais leves usados apresentaram alta 52,6% em julho, na comparação com o mês anterior, somando 834.033 unidades, contra 546.538 em junho. Na comparação com julho de 2019, houve queda de 17,29%. No acumulado de 2020, a retração foi de 31,81% sobre o mesmo período de 2019.

“O mercado está se ajustando, tanto para veículos novos como para usados. Um fator que também contribuiu para o resultado foi a melhora na oferta de crédito, para veículos usados”, explicou Assumpção Jr.

Do total de automóveis e comerciais leves transacionados, os modelos entre 1 a 3 anos de fabricação representaram 13,98% do total negociado em julho, e 12,23% no acumulado do ano.

Acompanhe, na tabela a seguir, os dados de transações de veículos usados para cada segmento automotivo.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação