Trem de Passageiros da Vale mantém espaço para acolher crianças autistas durante viagens que podem durar até 16 horas

10

Espaço é climatizado e possui brinquedos funcionais

A Estrada de Ferro Carajás mantém um espaço dedicado ao acolhimento de crianças autistas e outras neuroatípicas no Trem de Passageiros que interliga o Maranhão ao Pará. O acolhimento acontece nas situações de desorganização, agitação ou ansiedade durante a viagem, que pode durar até 16 horas, entre São Luís e Parauapebas, no Pará.

Para acessar, basta que os pais ou responsáveis solicitem apoio do time de bordo.

A “sala do acolhimento” fica em uma área mais reservada de um dos vagões, possui brinquedos e equipamentos funcionais e sofre menos influência de barulho ou circulação de pessoas. Além do espaço, a equipe de bordo também disponibiliza adesivos de identificação para crianças autistas, com o intuito de promover mais empatia entre os demais passageiros.

“Muitas famílias com crianças neuroatípicas tem dificuldades e até desistem de viajar por conta da incompreensão das pessoas. Ter um ambiente como este em um transporte público contribui para a inclusão e oportuniza momentos felizes para eles”, destacou Fiamma Barros, psicóloga.

“Estamos sempre buscando novas formas de atender com segurança e qualidade quem utiliza os serviços do Trem. Buscamos informação com especialistas, ouvimos sugestões e observamos a dinâmica das viagens. Vamos continuar com a escuta ativa para oferecer um serviço cada vez melhor para todos”, destacou Ivoneide Aquino, coordenadora do Trem de Passageiros.

Sobre o Trem de Passageiros da Estrada de Ferro Carajás

O trem de Passageiros da EFC percorre cerca de 900 quilômetros, com 15 pontos de parada, entre os estados do Maranhão e Pará. Transporta em média 1000 pessoas por viagem. Em determinados trechos, a passagem de trem chega a ser 40% mais barata que a rodoviária, considerando o mesmo percurso. Para mais informações: www.vale.com/tremdepassageiros

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui