Turista espanhola é morta na Rocinha após veículo furar bloqueio

0
807

Uma turista espanhola morreu na manhã desta segunda-feira (23) ao ser atingida por tiros disparados por policiais militares na Rocinha, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. Segundo a Polícia Militar, Maria Esperanza Jimenez Ruiz estava em um carro de transporte de turistas que furou um bloqueio policial no Largo do Boiadeiro, por volta das 10h30, e foi, por isso, alvejado pelos agentes.

Segundo a Polícia Militar, a mulher foi levada para o Hospital Municipal Miguel Couto, mas não resistiu aos ferimentos. A Corregedoria da Polícia Militar está apurando o caso.

Mais cedo, por volta das 9h30, dois policiais militares do Batalhão de Choque ficaram feridos durante um tiroteio com criminosos na comunidade. Um homem, que, segundo a Polícia Militar, estava envolvido na troca de tiros também ficou ferido. Os três foram levados para o Miguel Couto.

A Secretaria Estadual de Segurança lamentou a morte da turista e disse estar acompanhando a apuração dos fatos junto à Corregedoria da PM e à Divisão de Homicídios do Rio, que investiga o caso.

Tiros – Uma troca de tiros entre policiais e criminosos armados deixou três feridos na manhã de hoje (23) na comunidade da Rocinha, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. Entre os feridos, estão dois policiais militares do Batalhão de Choque.

Segundo informações do Batalhão de Choque, divulgadas pela assessoria de imprensa da Polícia Militar, os policiais patrulhavam as localidades 199 e Rua 1, quando entraram em confronto com os criminosos.

Um terceiro homem também foi baleado no confronto. De acordo com a Polícia Militar, ele estava envolvido no tiroteio que vitimou os dois policiais. Os três foram encaminhados para o Hospital Municipal Miguel Couto, que fica próximo à Rocinha.

(Agência Brasil)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação