Turistas franceses são recepcionados por grupos folclóricos na Praia Grande

0
815

Um grupo de 194 turistas franceses foi recepcionado na tarde desta segunda-feira (20), na Praia Grande, com apresentação de grupo de tambor de crioula e visita a prédios históricos na Praia Grande. Os franceses participavam de cruzeiro marítimo e ainda no final da tarde partiram de São Luís. Os turistas são passageiros de um navio de cruzeiro que atracou ainda pela manhã no Porto do Itaqui.

“O objetivo desta recepção é receber e acolher esses turistas para que conheçam nossas belezas e riqueza arquitetônicas e cultura popular. Seguindo a diretriz do prefeito Edivaldo, trabalhamos para que os turistas tenham um olhar diferenciado sobre nossa cidade, levem na lembrança e retornem para conhecer mais e façam relação com São Luís e a França, considerando que nossa cidade foi fundada por um francês”, ressaltou a secretária municipal de Turismo (Setur), Socorro Araújo.

A primeira parada do grupo foi no Centro de Formação Turística da Prefeitura de São Luís, na Praça Pedro II, onde os franceses puderam aprender um pouco sobre as manifestações folclóricas locais e cultura geral da cidade e receber material informativo sobre o tema. Na ocasião, uma degustação de Guaraná Jesus, típico da cidade, e distribuição de material informativo sobre a cultura maranhense.

Beleza – Michel Feiteau, 83 anos, estava maravilhado com a cidade e destacou a beleza dos casarões antigos. “É a primeira vez que venho a São Luís e nos falaram dos prédios seculares e é isso que estou vendo, que é muito bonito mesmo, muito imponente. Quero conhecer mais da cidade que é muito bela”, disse.

“A história de São Luís é muito fascinante com suas lendas e sua cultura diferente”, disse Joseth Feiteau, 78 anos, que estava na expectativa pelo passeio turístico. “O Centro Histórico daqui é muito rico e bonito. Traz uma paz, uma coisa boa estar aqui”, disse.

A cantora Betti Granati, 58 anos, parabenizou os ludovicenses pela riqueza da cidade. “Ainda não conhecia, mas o que vi, gostei. A cidade é acolhedora, bonita, tem belos casarões e as pessoas são muito amáveis”, enfatizou.

Os franceses participaram ainda de um city tour. Guiados por uma agência de viagens e turismo, o grupo visitou pontos como a Igreja da Sé e Praça Benedito Leite, onde apreciou a apresentação de tambor de crioula ‘Arte Nossa’, degustou sucos de frutas típicas do Maranhão e o refrigerante Guaraná Jesus.

Visitaram ainda os palácios dos Leões (sede do Governo) e La Ravardière (sede da Prefeitura), Casa de Nhozinho e, encerrando o roteiro, a Casa do Maranhão, onde estava preparada a apresentação do Boi de Nina Rodrigues.

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação