Vasco é derrotado pelo Vitória e se aproxima perigosamente da Zona de Rebaixamento

0
393

O Vasco da Gama se aproximou perigosamente da Zona de Rebaixamento do Campeonato Brasileiro, ao perder para o Vitória na noite deste domingo (09), no Manoel Barradas, em Salvador (BA). No mesmo horário das 19h, o Santos derrotou o Paraná, afastou a má fase e agora está em oitavo lugar, brigando por vaga na Copa Libertadores.

O Vitória venceu o Vasco por 1 a 0 e, com 29 pontos, abriu cinco de vantagem para o rival. Com 24, o Cruzmaltino segue à beira do Z-4, na 16ª posição.

Lutando para se afastar da zona de rebaixamento, as duas equipes entraram em campo de olho na vitória. Apesar das chances criadas, as redes não balançaram no primeiro tempo. Pelo lado vascaíno, Luiz Gustavo e Desábato levaram perigo. Já o Leão respondeu com Léo Gomes de cabeça, mas o placar permaneceu zerado.

No segundo tempo, o Vitória ficou muito perto de marcar aos sete minutos, mas Léo Ceará cabeceou para fora. Aos 20, foi a vez do Vasco assustar com Yago Pikachu. Após cruzamento de Andrés Rios, o meia acertou a trave e, no rebote, parou na grande defesa de Ronaldo. O duelo ficou aberto e, aos 27 minutos, Erick saiu cara a cara e tocou na saída do goleiro Martin Silva para garantir o triunfo baiano, 1 a 0.

Reação – O Santos levou a melhor para cima do Paraná pela 24ª rodada do Brasileirão 2018 e venceu por 2 a 0 no estádio Durival Britto, em Curitiba (PR),ampliando o jejum do tricolor paranaense. Com 31 pontos, o alvinegro paulista subiu para a oitava posição. Já a equipe paranaense amargou o décimo jogo sem vencer na Série A e continua na lanterna com 16 pontos.

As redes não balançaram na primeira etapa. Na melhor chance de gol criada, o Paraná emplacou uma blitz aos 23 minutos, mas Nadson acertou a trave e, na sequência, Carlos cabeceou por cima.

No segundo tempo, o Santos contou com o faro de gol apurado de Gabriel para conquistar os três pontos fora de casa. Aos seis minutos, o artilheiro do Brasileirão mostrou oportunismo, pegou o rebote do goleiro Richard e abriu o placar, 1 a 0. Aos 32 minutos, o atacante repetiu a dose e marcou o 12º gol dele no campeonato. Fim de jogo: 2 a 0.

(CBF)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação