Vasco vence Jorge Wilstermann de goleada e leva boa vantagem para jogo da volta

0
485

O Vasco fez valer o mando de campo nesta quarta-feira (14) e goleou por 4 a 0 o Jorge Wilstermann, da Bolívia, em São Januário, pela Copa Libertadores. Com o resultado, leva para a partida de volta a vantagem de poder perder por até três gols de diferença para avançar à Fase de Grupos.

O Vasco dominou a partida desde o primeiro tempo e foi para o intervalo com boa vantagem, após gols de Paulão e Paulinho. No segundo tempo, o Jorge Wilstermann equilibrou a partida, mas viu o Vasco chegar ao terceiro e quarto gols nos minutos finais, com Yago Pikachu e Rildo.

As duas equipes voltam a se encontrar na próxima quarta-feira, em Cochabamba. Quem avançar deste confronto vai entrar no Grupo 5 da Libertadores, ao lado de Cruzeiro (Brasil), Racing (Argentina) e Universidad de Chile (Chile).

Jogo – O Jorge Wilstermann entrou em campo com uma postura muito defensiva, com todos os jogos em seu campo de defesa. Com isso, o Vasco dominou o confronto desde o início e quase abriu o placar logo aos três minutos. Henrique foi lançado pela esquerda e cruzou para Evander. O meia apareceu livre na área, mas chutou sobre o travessão. O lance animou os cruzmaltinos, que assustaram novamente aos cinco. Wagner arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Giménez a fazer grande defesa.

De tanto insistir, o Vasco chegou ao gol aos 18 minutos. Após falta cobrada na área, Ricardo Graça cabeceou, Giménez deu rebote e Paulão apareceu para chutar para a rede.

Aos 40 minutos, Wellington pegou rebote após escanteio e chutou em direção ao gol, mas a bola bateu na zaga. Paulinho aproveitou para se antecipar a Giménez e cabecear para a rede. Assim, os cruzmaltinos foram para o intervalo com boa vantagem em São Januário.

No segundo tempo, os donos da casa não diminuíram o ritmo e quase ampliaram a vantagem logo aos dois minutos. Evander tabelou com Henrique, entrou na área e chutou para grande defesa de Giménez. Depois, aos quatro, foi a vez de Paulinho finalizar colocado, mas mandar para fora.

Aos 37 minutos, o Vasco quase chegou ao terceiro quando Thiago Galhardo cobrou escanteio direto para o gol. O goleiro se esticou para salvar os bolivianos. Com mais espaço para avançar, os donos da casa marcaram o terceiro gol aos 42 minutos. Riascos tocou para Yago Pikachu na entrada da área e o lateral acertou chute cruzado, sem chance para o goleiro.

Para melhorar a situação, o Vasco ainda chegou ao quarto gol aos 48 minutos. Thiago Galhardo cruzou para Rildo cabecear para a rede e dar números finais em São Januário.

(Com dados do Vasconet)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação