Venda de milho beneficia mais de 16 mil pequenos criadores brasileiros

0
189

As realizadas ano passado vendas superaram as 144 mil toneladas sobre o volume vendido em 2019

A comercialização de milho dos estoques do governo federal pôde beneficiar mais de 16 mil pequenos criadores de todas as regiões brasileiras. As vendas realizadas em 2020 pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), por meio do Programa de Vendas em Balcão (ProVB), superaram as 144 mil toneladas, aumento de cerca de 7% sobre o volume do cereal vendido em 2019.

As operações geraram uma receita de R$ 141,2 milhões, valores que tiveram origem em grande parte do Nordeste, região para onde foi destinada mais de 100 mil toneladas do milho e atendido o maior número de clientes (11 mil).

O Ceará registrou o maior volume comercializado, superando a marca de 30 mil toneladas, seguido do Rio Grande do Norte com cerca de 20 mil toneladas e do Rio Grande do Sul com a venda de 16 aproximadamente 16 mil toneladas.

O programa, operacionalizado pela Conab, permite que criadores rurais de pequeno porte de aves, suínos, caprinos e outros tenham acesso aos estoques de milho do governo de forma direta e a preços similares aos das praças de comercialização. Com isso, ajuda na manutenção dos negócios, na geração de emprego e renda, evitando a migração para os grandes centros urbanos.

Além disso, o ProVB contribui para a renovação dos estoques, reduzindo a depreciação comercial dos produtos, a partir da remoção dos produtos armazenados em armazéns próprios e credenciados localizados na região Centro-Oeste para o público consumidor.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação