Em festa no Maracanã, Flamengo goleia Avaí; longe de sua torcida, Palmeiras goleia Goiás

0
256

Na noite desta quinta-feira (05), o Flamengo fez a alegria de quase 65 mil presentes no Maracanã, no Rio de Janeiro, e goleou o Avaí por 6 a 1, em duelo válido pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Por outro lado, o Palmeiras, fugindo de sua torcida, foi a Campinas e também goleou o Goiás por 5 a 1, mantendo-se na luta pela vice-liderança.

O Flamengo jogou com facilidade no Maracanã. Logo aos 10 minutos, em lance ensaiado, Arrascaeta rolou na direita para Rafinha, que invadiu a área e cruzou. Lincoln fez o pivô e ajeitou para Arrascaeta chegar batendo.

Mais tarde, aos 21, o Avaí ainda conseguiu em chute forte de Lourenço de longe. Mas o Rubro-Negro estava em ritmo acelerado. Aos 36, Diego pegou sobra de fora da área, bateu de chapa e acertou o ângulo de Vladimir para desempatar. Dois minutos depois, aos 38, Gabigol soltou uma bomba de fora da área e fez o terceiro.

Seguindo forte a batida, Lincoln pegou sobra dentro da área e garantiu o quarto do Fla. Não perca a conta. Na marca dos 38, Reinier tabelou com Diego pela esquerda, recebeu de volta e, de primeira, bateu no cantinho do goleiro do Avaí. E ainda deu tempo para o sexto. Aos 43 minutos, Rafinha cruzou pela direita e encontrou Reinier sozinho na segunda trave. O garoto se atirou na bola e decretou o 6 a 1 no Maracanã.

Já com a taça de campeão garantida, o Flamengo chega aos 90 pontos na tabela. O Leão, que vai disputar a Série B em 2020, amarga a última colocação, somando 19 pontos.

No Brinco de Ouro, em Campinas (SP), Palmeiras e Goiás mediram forças pela 37ª rodada do Brasileirão

Palmeiras – O primeiro tempo, no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP), foi movimentado e com três gols no Brinco de Ouro. Quem pulou na frente foi a equipe paulista. Na marca dos 21 minutos, Zé Rafael recebeu bom passe de Lucas Lima, ficou na cara do gol e deu um toquinho para tirar do goleiro.

Cinco minutos, o Esmeraldino chegou ao empate: aos 26, o árbitro marcou pênalti de Diego Barbosa. Na cobrança, Rafael Moura bateu no canto superior de Weverton. Mas o Palmeiras não sentiu o golpe, e ficou de novo em vantagem aos 33, quando Dudu fez tabela com Zé Rafael e colocou o Verdão de novo na frente.

Só deu Palmeiras no segundo tempo. Na marca dos 24 minutos, o garoto Gabriel Veron recebeu linda bola de Jean e fez o primeiro dele com a camisa do Alviverde. Depois, aos 36, foi a vez de Veron dar assistência para Dudu fazer o quarto dos paulistas. E ainda deu tempo para o quinto. Aos 44, Dudu deixou Gabriel Veron na cara do gol, que não perdoou e fez o segundo dele na partida.

(Com informações da CBF e inagen da AGIF)

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui