Sônia Guajajara lamenta mais mortes de indígenas no Maranhão

0
158

A líder indígena Sonia Guajara lamentou o crime contra indígenas, na manhã deste sábado (07),  em Jenipapo dos Vieira, no Maranhão. Firmino Prexede Guajajara morreu na hora, Raimundo Guajajara foi atingido e não resistiu aos ferimentos. Outros quatro indígenas foram feridos. Os indígenas voltavam de uma reunião de articulação onde debatiam a defesa de seus direitos que vem sendo alvo de constantes ameaças e ataques.

No mês passado, Paulo Paulino Guajajara, que trabalhava como guardião da floresta defendendo o território indígena contra exploração ilegal, foi assassinado por madeireiros próximo ao local do novo crime contra os Guajajara.

Assista ao vídeo:

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui