Maranhão tem desempenho negativo na geração de empregos em janeiro

0
852

O Maranhão foi na contramão do Brasil e fechou o mês de janeiro com saldo negativo na geração de empregos formais, pois foram fechadas 586 postos de trabalho no estado, uma variação de -0,13%. A nível nacional, foram preservados mais de 77 mil postos de trabalho.

O desempenho negativo no estado é resultado principalmente dos desempenhos da Construção Civil, que perdeu 744 empregos, e do Comércio, que terminou o mês com -555 postos.

Apesar disso, o setor de Serviços chegou ao fim do mês com 802 empregos a mais. Os dados estão no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, divulgado nesta sexta-feira (02).

De acordo com os dados, no primeiro mês do ano, houve 11.666 contratações, porém as demissões somaram 12.252. Apesar do desempenho negativo de janeiro, no acumulado do ano, o estado tem um acumulado positivo 2.671 empregados preservados, resultado de 148.796 contratações e 146.125 demissões.

Veja como foi o desempenho da geração de empregos, por setor, no estado em janeiro:

Setores de Atividade EconômicaSaldo de Janeiro de 2018
Variação AbsolutaVariação Relativa (%)
Extrativa Mineral171,23
Indústria de Transformação-174-0,47
Serviços Industriais de Utilidade Pública – SIUP-8-0,11
Construção Civil-744-1,85
Comércio-555-0,38
Serviços8020,42
Administração Pública-37-0,29
Agropecuária1130,51
Total-586-0,13

Desempenho nacional  No Brasil, o saldo do mês de janeiro ficou positivo em 77.822 vagas, um aumento de 0,21% em relação ao estoque de dezembro de 2017. Esse resultado decorreu de 1.284.498 admissões e de 1.206.676 desligamentos.

Nos últimos 12 meses, também houve aumento de empregos. O acréscimo foi de 83.539 vagas, que representam um crescimento de 0,22% em relação ao estoque que havia em janeiro de 2017.

“Os dados do Caged mostram que as medidas tomadas pelo governo para recuperação da economia e dos empregos foram acertadas e estamos no caminho certo”, avalia o ministro do Trabalho em exercício, Helton Yomura.

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação