Derrota do Sampaio para o CRB nesta segunda-feira provoca a queda do treinador Francisco Diá

0
423

AQUILES EMIR

A derrota nesta segunda-feira (07), por 3×2 para o CRB, mesmo jogando em casa, na abertura da quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro da Série B, custou o emprego do técnico Francisco Diá no Sampaio Corrêa. Na tarde desta terça (08), o presidente do clube, Sergio Frota, anunciou o desligamento do treinador e de toda a comissão técnica.

Apesar de reconhecer que todos os dispensados são grandes profissionais e que realizaram um grande serviço no clube, Frota justificou a dispensa dizendo que uma mudança torna-se necessária, para que o Sampaio possa reencontrar os caminhos das vitórias.

Um novo treinador já está sendo contatado e será anunciado em breve pelo presidente boliviano. A equipe só volta a campo daqui a dez dias, pela Copa do Nordeste, contra o Vitória da Bahia, jogo marcado para quarta-feira da próxima semana.

Esta foi a terceira derrota do Sampaio em cinco rodadas. O time estreou com uma vitória sobre o Coritiba, mas depois tropeçou diante do Guarani de Campinas, do Vila Nova de Goiás, empatou com o Paysandu de Belém (PA), sexta-feira (04), e agora perdeu mais uma, no Estádio Castelão, em São Luís.

Francisco Diá nem chegou a comandar a equipe, pois, como foi expulso no jogo contra o Paysandu, assistiu ao jogo do camarote do presidente, que horas depois o afastaria da equipe.

Com o resultado, o Sampaio foi para a 15ª posição na tabela de classificação e corre o risco de entrar na zona de rebaixamento ainda neste terça-feira, caso o Guarani vença o Criciúma, em jogo a ser realizado no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas (SP).

Diá estava à frente do Sampaio desde 2017, time pelo qual foi campeão maranhense e levou o time para a Série B.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui