Corinthians volta a vencer e se distancia na liderança da Série A do Brasileiro

0
503

Pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro, o líder Corinthians bateu o Fluminense por 1 a 0, no Maracanã, e agora lidera com 40 pontos. Nos outros dois jogos da tarde deste domingo (23), o Palmeiras venceu o Sport por 2 a 0, fora de casa, enquanto o Avaí derrotou o Cruzeiro por 1 a 0, na Ressacada.

No Rio de Janeiro, Fluminense e Corinthians fizeram um primeiro tempo equilibrado. A melhor chance alvinegra saiu dos pés do Giovanni Augusto, que chutou da intermediária e a bola passou rente à trave de Júlio César. Do lado tricolor, as melhores chegadas foram com Richarlison. Na volta do intervalo, o Timão marcou aos quatro minutos. Giovanni Augusto cobrou escanteio, e Balbuena subiu mais que a zaga para testar firme para o fundo das redes: 1 a 0.

Na tentativa do empate, o Flu chegou perto aos 14 minutos, quando Gustavo Scarpa chutou cruzado e a bola bateu na trave corintiana. O Corinthians segurou o placar até o apito final e chegou à 12ª vitória no Brasileirão. O time paulista lidera a competição com 40 pontos. O Fluminense, com 21, aparece na décima posição.

Palmeiras – De olho no pelotão de cima, o Palmeiras visitou o Sport, na Arena Pernambuco, e venceu por 2 a 0. O Verdão dominou o primeiro tempo e abriu o placar aos 33 minutos. Egídio cobrou escanteio, e Bruno Henrique mergulhou de peixinho para marcar. Aos 47, Bruno Henrique lançou Keno, que ficou na cara do gol e ampliou. Na volta do intervalo, o Leão pressionou mais e criou boas chances. Na melhor delas, Diego Souza cobrou falta no travessão de Jailson. No rebote, André cabeceou para fora. Com a vitória, o Palmeiras subiu para o quinto lugar, com 26 pontos, empurrando o Sport para a sexta posição, com 24.

Lutando contra a zona de rebaixamento, o Avaí recebeu o Cruzeiro, na Ressacada, e conquistou uma importante vitória. O gol saiu na primeira finalização do time catarinense, aos 21 minutos da etapa inicial. Pedro Castro não conseguiu finalizar e, na sequência, Júnior Dutra dominou de pé esquerdo e chutou de direta para marcar. A Raposa, que dominou a partida e criou as melhores chances, não acertou a pontaria na hora do chute final. Com a vitória, o Avaí chegou aos 17 pontos, na 17ª posição. O Cruzeiro, com 22, permanece em oitavo.

Santos – Diante de um Pacaembu lotado, o Santos seguiu o embalo no Campeonato Brasileiro e derrotou o Bahia por 3 a 0 na manhã deste domingo (23), pela 16ª rodada da competição. Agora são sete jogos sem perder, o que deixa o Peixe na terceira posição, com 30 pontos. O time baiano, com 19, ocupa o 13º lugar.

 

Mais de 35 mil torcedores compareceram ao Pacaembu para acompanhar o Santos, que levou perigo ao gol do Bahia já no primeiro lance do jogo, quando Lucas Lima cobrou falta fechada e o goleiro Jean espalmou para escanteio. Aos cinco minutos, Zé Rafael avançou pela direita, se livrou da marcação, e obrigou o goleiro Vanderlei a se esticar para evitar o gol tricolor. Vendo o time visitante se organizar bem ofensivamente e anular bem as investidas santistas, o Peixe achou espaço aos 28 minutos para abrir o placar. Copete foi acionado pela direita e passou para Kayke, que chutou para o gol. Jean espalmou e, na sobra, Bruno Henrique marcou: 1 a 0. Melhor em campo, o Santos ampliou nos instantes finais. Lucas Lima invadiu a área e aplicou uma caneta em Eduardo antes de chutar para o gol. Novamente o goleiro Jean defendeu de primeira, mas Bruno Henrique pegou o rebote: 2 a 0.

Na volta do intervalo, o Bahia quase descontou aos oito minutos. Mendoza arrancou pela direita, se livrou de três marcadores e tocou para Vinicius, que girou e bate para boa defesa de Vanderlei. Aos 12, Vinicius de novo. O meia ganhou na dividida com Noguera e tirou tinta da meta santista. Enquanto o Esquadrão de Aço criava boas chances, o Santos se fechou na marcação. Até que, aos 30, Daniel Guedes puxou contra-ataque pela direita e cruzou na área. Bruno Henrique não desperdiçou e marcou o terceiro dele e do Peixe na partida.

(CBF)

Compartilhe
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação