Pressionada pelos EUA, Coreia do Norte já fala em desnuclearização

0
1579
Investigações apontam que o meio-irmão do líder norte coreano Kim Jong-Un (foto) foi morto por uma versão mais mortal do gás sarin KCNA/Divulgação/EPA/Agência Lusa

O presidente da Coreia do Norte, Kim Jong-un, declarou via canal de comunicação com a Coreia do Sul, que se compromete a desnuclearizar eventualmente a península coreana, segundo informou neste domingo (18) a ministra de Relações Exteriores da Coreia do Sul, Kang Kyung-wha, em uma entrevista à rede norte-americana CBS.

O compromisso do líder norte-coreano será discutido na próxima reunião com o presidente norte-americano, Donald Trump.

Kim Jong-un também assinalou que enquanto se estabelece o diálogo de paz entre Washington e Pyongyang, não haverá lugar para mais provocações, segundo Kang Kyung-wha. Ela frisou: “Sua promessa é muito valiosa, já que é a primeira vez que a palavra vem diretamente do líder supremo da Coreia do Norte, isto nunca aconteceu antes”.

Conforme a ministra, atualmente o líder norte-coreano está considerando uma mensagem oficial sobre a intenção com que se dirigirá à comunidade internacional.

(Agência Sptunik)

Compartilhe
Aquiles Emir
Editor chefe da Revista e do site do Maranhão Hoje. Sócio-proprietário da Class Mídia – Marketing e Comunicação